Paladar

Blog inicia série OS MELHORES DE 2009

15 dezembro 2009 | 15:39 por Roberto Fonseca

O cervejólogo Paulo Feijão Bettiol. Foto: Arquivo pessoal

Pois é, nobres leitores, se alguém não viu o título acima, apresso-me em dizer que esse aí da foto não sou eu (felizmente, hehehe…brincadeirinha). Trata-se do cervejólogo blumenauense Paulo Bettiol, vulgo Feijão, “vizinho” da Eisenbahn e da Bierland e dono do site Obiercevando, que trata da nobre bebida. Mas por que diabos esse sujeito está aí, perguntaria o mais apressado. Bettiol é o primeiro dos entrevistados por este blog para indicar o que viu de melhor – e pior – no mundo cervejeiro em 2009. Enfim, uma retrospectiva do Brasil e do Mundo tendo como foco o precioso líquido fermentado. As mesmas perguntas serão feitas a outras “autoridades” cervejeiras no Brasil; espero que, apesar da amplitude, os resultados possam levar a um consenso sobre a cena cervejeira no ano. Sem mais delongas, as perguntas e respostas.

1) A ‘top das tops’ de 2009
Meantime India Pale Ale

Ficou com água na boca?

2) Melhor ale
Weizenbock da Eisenbahn, de Blumenau (SC)

3) Melhor lager
Bierland Bock, de Blumenau (SC)

4) Destaque nacional
Bamberg Rauchbier, de Votorantim (SP)

5) Destaque importado
St. Bernardus 12 abt, da Bélgica

6) Novidade cervejeira
American Pale Ale da Opus (cerveja caseira de Marco Zimmermann e Murilo Foltran, de Florianópolis/SC)

7) Fato cervejeiro
A chegada de todas as cervejas trapistas belgas ao Brasil

8) Pior momento cervejeiro
O número expressivo de microcervejarias surgindo no Brasil sem nenhum tipo de inovação, produzindo sempre os mesmos estilos. O Brasil precisa de alguém com coragem para inovar, assim como a Eisenbahn fez há alguns anos. Não adianta ficar produzindo cervejas insossas querendo abraçar o mundo, faltaram este ano cervejas corretas e com personalidade. Isso, é claro, excluindo as micros conhecidas por sua inovação, que, infelizmente, são poucas