Paladar

Melhores de 2012, parte 58: Elvio Resende

26 janeiro 2013 | 21:30 por Roberto Fonseca

Foto: Arquivo pessoal

Elvio Resende, proprietário da loja cervejeira Empório Serra Grande, de Cuiabá (MT):

1) MELHOR ALE NACIONAL

Ficou com água na boca?

Bodebrown Black Rye IPA. Essa, sem dúvida, foi a escolha mais difícil, pois foram produzidas excelentes cervejas  ao longo de 2012. Levei em consideração o conjunto e, aí, a Bodebrown Black Rye IPA foi a escolhida. Na abertura da garrafa, já e perceptível que os lúpulos são as grandes estrelas desta cerveja, eles dominam o aroma e deixam apenas um pequeno espaço para o tostado do malte. No paladar, as notas tostadas e carameladas do malte  se equilibram com a potência dos lúpulos, a espuma é densa e saborosa! É o tipo de cerveja que você aprecia até a última gota !

2) MELHOR LAGER NACIONAL

Bierland Vienna. Assim como no ano passado, em minha opinião, esta continua sendo a melhor lager tupiniquim. Não é por acaso que ela vem conquistando tantos prêmios. Uma amber clássica que talvez não seja um primor em termos de aroma, mas no paladar ela se revela. Inicialmente, os maltes destacam-se e dominam o palato, mas o seu final seco e lupulado é irresistível. A Vienna tornou-se uma companheira inseparável dos churrascos de domingo!

3) MELHOR ALE IMPORTADA

Brewdog/Mikeller I Hardcore You. Essa cerveja provou que não só de lúpulo vivem as imperial IPAs, e demonstrou o quanto é importante o equilíbrio em uma cerveja. A boa presença de malte da I Hardcore You e sua potência alcoólica fazem lembrar, em alguns aspectos, as barley wines americanas, porém o amargor final não nos deixa esquecer que estamos diante de uma imperial IPA .

4) MELHOR LAGER IMPORTADA

Rogue Chatoe Dirtoir Black Lager. Classificada como schwarzbier mas com cara de stout, esta Rogue é surpreendente. Cerveja robusta, com aroma forte de café; no paladar, os maltes torrados dominam o sabor. A espuma é densa e cremosa.

5) MELHOR CHOPE

Colorado Vixnu, servido no Festival Brasileiro de Cerveja em Blumenau. Simplesmente perfeito

6) MELHOR BAR CERVEJEIRO

Empório Alto dos Pinheiros. Gosto do conceito onde a diversidade é o foco, e nisso o EAP é imbatível. A quantidade de rótulos, aliada ao ambiente descontraído, gera uma atmosfera muito legal.

7) MELHOR CERVEJA CASEIRA

Cerveja feita pelo amigo e presidente da ACERVA Mato-Grossense Juan Pagnussat, a Moedora é uma IPA  inspirada na escola americana. Essa cerveja foi um marco na produção de cervejas caseiras em Cuiabá, ela foi feita dentro do Empório Serra Grande em uma brasagem coletiva.

8) MELHOR CERVEJA DO ANO, AQUI OU LÁ FORA

A Fullers Vintage 2009 continua sendo, para mim, a melhor cerveja degustada em 2011/2012. Ela impressiona até mesmo quem não é adepto das cervejas especiais. Estou ansioso para degustar a Vintage 2012.

9) RÓTULO MAIS BONITO DO ANO

Fullers Black Cab Stout

10) NOVIDADE DO ANO

A união da Wäls e da Brooklyn para a produção da Saison de Caipira, demonstrando que o mercado brasileiro está no caminho certo em termos de produção.

11) MELHOR FATO CERVEJEIRO

A melhor notícia do ano de 2012 foi a consolidação do mercado de cervejas especiais em Cuiabá. Vários aspectos podem ser citados para confirmar esta consolidação: expansão de pontos de venda, crescimento do número de rótulos disponíveis, criação da Acerva-MT, realização de eventos ligados à cultura cervejeira (St. Patrick´s Day, Dia da Cerveja Brasileira, Bierland Day, Oktoberfest, degustações…), várias pessoas produzindo cerveja em casa. Cuiabá, definitivamente, é uma cidade apreciadora de boas cervejas.

12) PIOR FATO CERVEJEIRO

Infelizmente,  o ano de 2012 foi muito ruim para o setor cervejeiro em termos de tributação. A carga tributária é irracional, seja para quem produz ou para quem revende. Também não posso deixar de relatar a má-vontade de algumas cervejarias em atender nossos pedidos aqui em Cuiabá. Ainda não entenderam que o Brasil não se limita à região Sul-Sudeste.

Tags: