Paladar

Rasen Bier Dunkel: de cerveja dada…

17 fevereiro 2010 | 22:45 por Roberto Fonseca

Ficha Rasen Bier Dunkel

A Rasen Bier, de Gramado, já havia figurado neste blog em 2009, com sua cerveja Pilsen (cuja análise e história de produção você pode conferir aqui). No sábado, durante uma sessão de degustação, recebi a nova cria da microcervejaria, uma Dunkel, das mãos do amigo Paulo Feijão, do site Obiercevando, que visitou a fábrica. Trata-se de uma retribuição do nobre colega pela Panil Barriquée Sour, uma das melhores sour ales do mundo, com que lhe presenteei no ano passado.

Resolvi tomar a Rasen Dunkel no carnaval, e cheguei a duas constatações. A primeira é que, aparentemente (e dentro das diferenças de estilo), a microcervejaria parece estar evoluindo na produção – ou ao menos sobre a Pilsen -, apesar de uma leve oxidação metálica na amostra em questão. A segunda é que, realmente, há muitas divergências sobre o que são cervejas Dunkel e Schwarzbier, como já foi discutido no post da Therezópolis Ebenholz. A Rasen parece mesmo ser uma dunkel, mais para o malte caramelo que para o café e o torrado; já a Eisenbahn Dunkel, por exemplo, puxa mais para a schwarz. Trata-se de uma cerveja agradável, mas que poderia ser mais intensa. Mas, adaptando o dito popular, “de cerveja dada não se olham só os defeitos”, agradeço o presente. Afinal, poderia ser uma lager industrial com Pingo Bier…

Ficou com água na boca?

Tags: