Paladar

Catando caracóis

Luiz Américo Camargo

Eu só queria jantar

Catando caracóis

24 julho 2010 | 11:17 por Luiz Américo Camargo

img-moluscos

A Bretanha, como vocês sabem, é terra de boa manteiga, de trigo, de carne de porco. Isso, porém, quando se trata do interior da região. Os bretões, antes de tudo, são gente do mar: navegadores, pescadores, cultivadores de ostras e que tais. Pois eis aqui uma cena em Port Louis, no Sul da Bretanha, onde há uma bela cidade fortificada e um interessente museu sobre navegação.

Olhem a foto acima. Estão vendo estão caracóis nas pedras? São os bigorneaux, gastrópodes muito apreciados pela população local. Nas praias bretãs, com suas faixas de areia estreitas e sua abundância de pedras, é muito comum ver as pessoas andando com baldes, catando os bichinhos das rochas, para depois cozinhar em casa.

Ficou com água na boca?

O jeito mais comum de preparar? No panelão, com água, sal e um bouquet garni, fervendo por poucos minutos. Há quem prefira a cocção usando a própria água do mar. Estes caracóis  marinhos são muito bem cotados como aperitivo, um tira-gosto para comer com pão antes do almoço.