Paladar

Luiz Américo Camargo

Eu só queria jantar

Fim da maratona (que não tem fim)

29 abril 2014 | 10:34 por Luiz Américo Camargo

Em meio a bananas, 50 melhores do mundo e outros temas mais momentosos, retorno humildemente aos pães. Para informar que a maratona de criação online do fermento natural termina hoje. Só tenho a agradecer aos milhares de participantes, e informar que o passo a passo segue disponível, indefinidamente. Basta procurar no Youtube, ou na página Pão Nosso, do Facebook. Sempre será tempo de recomeçar.

Ah, sim. Sobre a banana, acho que não tenho nada a acrescentar. Daniel Alves foi brilhante e seu gesto, para além dos modismos, ficará na história. Espero que, durante a Copa, o ingrediente seja largamente explorado por aqui. A respeito dos 50 melhores da revista Restaurant, uma lista sem grandes surpresas, falarei em meu comentário na Rádio Estadão, toda terça – hoje – às 17h.