Paladar

Luiz Américo Camargo

Eu só queria jantar

O gosto da Alto Rio Negro

02 dezembro 2009 | 12:34 por Luiz Américo Camargo

Dona Brazi, competente cozinheira lá do Alto Rio Negro, está ficando famosa por aqui. Uma das grandes atrações do último ‘Paladar – Cozinha do Brasil’, realizado em junho, ela esteve ontem no Tordesilhas, preparando um jantar com Mara Salles. Falo dos pratos e da experiência no Paladar de amanhã. Mas não resisto em contar uma história, relatada por Mara Salles (peço licença à chef para reproduzir o causo).

Elas estavam em São Gabriel da Cachoeira, onde mora Dona Brazi, retornando da “pesca” das formigas: o processo consiste em enfiar uma folha (de palmeira, por exemplo), esperar que os insetos mordam a isca, puxar e recolher os bichos. Trabalho demorado, meticuloso. No caminho de volta, cercadas pela floresta, elas conversavam. Em especial sobre produtos da região: ervas, peixes, e principalmente carnes. Até que a anfitriã perguntou.

– Dona Mara?
– Sim, dona Brazi.
– Está ouvindo esse barulho “uh, uh, uh…”?
– Estou – respondeu Mara.
– Então. São uns macaquinhos. Eles também são uma delícia!

Ficou com água na boca?