Paladar

O Cachacier

Tudo sobre cachaça, por Mauricio Maia

Tem copo certo para beber cachaça?

A utilização de um copo apropriado pode melhorar muito a percepção de todos os aromas e sabores da bebida

28 setembro 2016 | 20:09 por Mauricio Maia

Quisera eu que essa fosse uma pergunta fácil de responder. Eu diria que sim e não.

Sim, porque há taças que ajudam no desenvolvimento dos aromas e sabores da bebida. E não, porque as boas opções ou não estão mais disponíveis no mercado, ou são caras e de difícil acesso, deixando o apreciador amarrado e com opções limitadas.

Há alguns anos (14 para ser mais exato), foi desenvolvida uma taça específica para a degustação de cachaças –  na foto abaixo, é a terceira da esquerda para a direita. Foi feita em Blumenau pela extinta Cristais Hering em parceria com a também extinta Fenaca (Federação Nacional das Associações dos Produtores de Cachaça de Alambique), com a participação de vários especialistas e seguindo padrões internacionais de degustação de destilados. Realmente, é uma excelente taça – quem tem pode ficar contente. Porém, com o fechamento da fábrica em 2006, elas rapidamente sumiram do mercado e não são mais encontradas.

Ficou com água na boca?

Da esquerda para a direita: sniffer, taça ISO, cachaça, licor, shot longo, martelinho, mini americano. FOTO: acervo pessoal

Da esquerda para a direita: sniffer, taça ISO, cachaça, licor, shot longo, martelinho, mini americano. FOTO: Maurício Maia/Acervo pessoal

A opção do mercado foi utilizar uma taça originalmente desenvolvida para licores, fabricada pela Cristaleria Strauss, também de Blumenau, que rapidamente caiu no gosto dos apreciadores (na foto, a quarta da esquerda para a direita). Ela, apesar de ser pequena e delicada, se presta muito bem à tarefa. O problema é que a sua fábrica também fechou recentemente, e os poucos exemplares disponíveis nos estoques das lojas estão sendo disputados a tapa: é só uma questão de tempo para ela fazer companhia aos dinossauros.

O que nos resta são duas opções: a taça Sniffer de brandy (a primeira da esquerda para a direita), difícil de achar e muitas vezes com preços proibitivos, e a taça ISO (a segunda da foto acima), que apesar de ser o instrumento oficial para análise sensorial e degustações técnicas, não tem muito charme e não se encontra tão facilmente.

Vamos falar de cachaça?
+ Conheça Mauricio Maia

A taça ISO foi desenvolvida pelo ISO (International Organization for Stadardization) e, como o nome indica, obedece a uma normatização, a ISO 3591. Foi desenvolvida em 1977 para a degustação e análise sensorial de vinhos, mas foi rapidamente adotada por todo o mercado de bebidas por suas características ideais para a degustação: possui o formato de um ovo alongado, com um bojo que permite movimentar o líquido, liberando os vapores do álcool e os aromas da bebida. Sua boca levemente estreita ajuda a concentrar os aromas e mantém os vapores de álcool dentro da taça. É mais ou menos dessa forma que funcionam todas as taças dessa lista.

As opções mais populares para se beber cachaça são os famosos copos de shot (ou jiggler, nos EUA). Todos eles possuem a mesma característica básica: têm capacidade de aproximadamente 1 dose (50 ml). Alguns são um pouco maiores, e o mini americano – o mais popular, encontrado em qualquer supermercado – é um pouco menor. Apesar de não terem área livre para a evaporação e melhor desenvolvimento dos aromas e sabores, bastam para que você possa saborear adequadamente sua branquinha.

Outros copos podem ser usados, como o old fashioned, o copo whisky e até o popular americano, opções que permitem até o consumo da cachaça “on the rocks” (pode sim! cachaça com gelo é uma delícia, mas isso é assunto para um outro post). Tem para o gosto e prazer do freguês, como ele preferir.

Em janeiro do ano passado, no primeiro encontro de cachaciers, alunos da Cana Brasil, a maior escola para formação de mão-de-obra para a cadeia produtiva da cachaça (mestres alambiqueiros, máster blenders e sommeliers), redigiram um documento recomendando da utilização das taças e copos. Foram indicadas a taça Brandy Sniffer ou licor, a ISO – para degustação técnica – e o copo shot com maior capacidade, de 90 ml (o copo mais alto no meio da imagem).

Mas você pode continuar usando o copo que você mais gosta, sem prejuízo nenhum, desde que cheio de cachaça! Saúde!

Tags: