Paladar

Orgânicos no varejão da Ceagesp

24 setembro 2010 | 09:30 por Leandro Costa

O tradicional varejão que ocorre todas as quartas (das 14h às 22h), sábados (das 7h às 12h30) e domingos (das 7h às 13h) na Ceagesp conta com uma grande variedade de barracas que vendem tudo que é necessário para se fazer uma feira completa, inclusive produtos orgânicos.

Exatamente. Quem não quiser esperar até o fim de semana para ir à feira de orgânicos no Parque da Água Branca pode encontrar no entreposto legumes e verduras cultivados organicamente, ou seja, sem uso de defenviso químicos e dentro de um processo de produção sustentável.

Como não se trata de uma feira especializada a oferta, é claro, é bem mais restrita, ficando a cargo da banca da família Honda, que há 12 anos cultiva orgânicos em Mogi das Cruzes, mas que só veio para a Ceagesp há 4 anos, em busca de lucros maiores vendendo diretamente para o consumidor, segundo conta Ernesto Honda, um dos proprietários.

Ficou com água na boca?

O interessante é que os preços, em comparação com os produtos convencionais não são tão diferentes em alguns casos. Como na couve-flor, por exemplo, que na banca de Ernesto sai a R$ 1 a unidade e é encontrada pelo mesmo preço em outra bancas. Na escarola e no alface há uma diferença, porém pequena, de R$ 0,20 na média. Ao passo que na banca orgânica o pé de alfaçe e escarola eram vendidos a R$ 1, nas demais bancas o preço giravam em torno dos R$ 0,80.

Com uma diferença tão tênue nesses produtos, vale a pena desembolsar um pouco a mais para consumir um alimento mais natural, não?

Tags: