Paladar

Bebida

Bebida

Conheça o Clube Paladar

E-commerce idealizado pelo Grupo Estado em parceria com a importadora Grand Cru será referência para os apreciadores de vinho que buscam novas experiências gastronômicas

29 março 2017 | 20:58 por Redação Paladar

Os apreciadores de vinhos e aqueles que buscam novas experiências gastronômicas acabam de ganhar como aliado o Clube Paladar, voltado para a venda online de bebidas e comidas selecionadas por especialistas. 

A plataforma – que estreou ontem – conta com um clube de assinaturas de vinhos, um site para a venda de produtos e terá também um canal no YouTube para tratar do universo da enogastronomia. A principal atração é o clube de assinaturas, por meio do qual o consumidor recebe duas garrafas de vinho por mês, selecionadas por um time de especialistas e sommeliers.

 

  Foto: Fernando Sciarra|Estadão

Há três possibilidades de assinatura, em diferentes faixas de preço. O Super Paladar oferece por R$ 50 vinhos que custam de R$ 60 a R$ 70 no mercado. Assim, o assinante paga R$ 100 por mês e recebe dois vinhos. A dupla de estreia nesta faixa traz o chileno Ímpetu 2015, da Viña Ímpetu. Cabernet Sauvignon da região do Vale do Limarí, na cidade de Ovalle, o vinho tem, segundo o produtor, aroma de frutas vermelhas, amora e framboesa com acidez média. Já o toscano Zirlo, também de 2015, é produzido pela vinícola Talenti, fundada em 1980 por Pierluigi Talenti.

A assinatura da faixa Incrível Paladar custa R$ 200 e oferece por R$ 100 rótulos que custam R$ 120. A seleção deste mês tem o Marquis de Bordeaux 2012, um tinto da região de Bordeaux com cor escura e média acidez, de acordo com o produtor. Faz parte dessa faixa também o Corralillo 2013, produzido pela vinícola chilena Matetic.

O pacote mais nobre, batizado de Sublime Paladar, custa R$ 300 e oferece por R$ 150 vinhos que custam R$ 170. A primeira seleção tem o Koyle Royale, um Cabernet Sauvignon de 2012 do Vale do Colchagua, no Chile, e o Bourgogne Domaine Guy Amiot et Fils – um Pinot Noir cuja safra de 2013 traz acidez média com notas de frutas vermelhas no nariz.

Na página do Clube Paladar, o interessado encontra mais informações sobre os vinhos bem como opções de harmonização. 

“O objetivo do Clube Paladar é levar muito mais do que produtos, é oferecer uma experiência gastronômica nova a cada mês”, afirma a diretora do Clube Paladar, Mariana Castriota. O negócio é fruto de uma parceria comercial entre a área de novos negócios do Estadão e a importadora Grand Cru.

 

  Foto: Reprodução

Os assinantes ainda receberão uma revista mensal que trará degustações de vinhos e outras bebidas, harmonizações com pratos, receitas, entrevistas, a apresentação de uma vinícola a cada edição e de viagens de vinho pelo mundo. 

Loja virtual. Quem preferir escolher os próprios vinhos terá uma seleção inicial de 100 rótulos em diferentes faixas de preço. A oferta do site será aumentada gradualmente até chegar a 1.700 rótulos. Nos próximos meses, outros produtos, entre queijos e cachaças, passarão a ser vendidos. “Vamos distribuir pelo País inteiro produtos que só costumam ser encontrados em São Paulo”, diz a diretora do Clube.

No YouTube, será postado um vídeo por dia com temas relacionados à enogastronomia. Será possível acompanhar as atividades também por Instagram, Facebook e Twitter. 

COMO VAI FUNCIONAR

As assinaturas

O interessado em novas experiências pode receber vinhos selecionados por especialistas e sommeliers todos os meses em casa. Os assinantes também terão preços mais acessíveis e descontos em diversos produtos na loja virtual.

 

  Foto: Reprodução

Revista

Todo mês os assinantes receberão com suas garrafas uma revista exclusiva que trará textos sobre degustações de vinhos e outras bebidas, harmonizações com pratos, receitas, entrevistas, a apresentação de uma vinícola a cada edição e viagens pelo mundo. A primeira edição, publicada também online, pode ser baixada gratuitamente em tablets e celulares pelo aplicativo Estadão Digital, disponível na Apple Store e no Google Play.  

 

  Foto: Reprodução

Loja virtual

O consumidor também poderá comprar garrafas avulsas. A seleção inicial do site reúne 100 rótulos (mas a ideia é chegar a 1.700 sugestões). Nos próximos meses, outros produtos, entre queijos e cachaças, também serão vendidos.

 

  Foto: Reprodução

Harmonização

No site, cada vinho traz sugestões de harmonização com pratos e suas próprias receitas, como ameixas assadas com mel e queijo, que combina com o Bourgogne Domaine Guy Amiot et Fils Pinot Noir 2013.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.