Paladar

Bebida

Bebida

Moet Chandon faz cuvée mais complexo de sua história, diz crítico

Isabelle Moreira Lima 

09 setembro 2015 | 19:40 por redacaopaladar

A Moet Chandon está lançando uma nova Champagne que está sendo considerada pela crítica “a mais complexa receita para um cuvée de prestígio de sua história”.

FOTO: Benoit Tessier/Reuters

A bebida é tema de uma análise feita pelo crítico australiano Tyson Stelzer na edição de outubro da revista inglesa Decanter. Batizada de MCIII Brut 001.14, a Champagne levou 15 anos para se desenvolvida e é um corte de um terço da safra de 2003 (50% Chardonnay e 50% Pinot Noir) e pouco mais de um terço de três outras safras (2002, 2000 e 1999), vinificado em tanques e envelhecido em foundres de 5 mil litros. O restante da bebida é feito das safras de 1999, 1998 e 1993 da Moet Grand Vintage Collection.

Ficou com água na boca?

 

Ficou com água na boca?