Paladar

Bebida

Bebida

Puxadas no feno e palha

Ouvir aquela história do cheiro de estábulo nas bebidas parece coisa de marketing rural. Fosse possível, por que nunca fizeram uma bala “Coice” para sabores agressivos, uma “Ordenha”, para balas com cheiro de chão de curral mesclada com leite, ou até uma “Capim”, para gostos herbáceos?

05 junho 2013 | 22:56 por danielmarques

Se o estábulo parece referência distante, o celeiro, não. Nem precisa fazer cosplay do Gótico Americano, de Grant Wood (aquela pintura quase macabra de um casal de fazendeiros americanos com um garfo de feno na mão e olhares soturnos), para sentir cheiro de celeiro. É palha, galho seco e madeira. Tudo misturado. E fica fácil reconhecer esses cheiros nas cervejas ao lado. São uma das principais características delas. Trata-se de cervejas saison, por convicção ou apropriação de estilo.

Curinga. Saisons são boas cervejas para indecisões climáticas: vão bem nos dias frios ou nos de calor. FOTO: Fernando Sciarra/Estadão

De origem francesa, a cerveja de estação era feita por trabalhadores que iam ajudar nas colheitas. Do final do outono ao começo da primavera, a temperatura era mais favorável ao controle da fermentação e era o período ideal para estocar cervejas para os meses quentes do verão – e um argumento a mais para manter os trabalhadores na ativa durante o inverno. Surgiu um estilo.

Ficou com água na boca?

Na indecisão conceitual deste outono, são cervejas curingas: vão bem no friozinho ou no calor. Para avaliá-las, sem um pedaço de feno na boca ou colheitas a realizar, vieram Fred Lima, sommelier de cerveja e sócio da Cervejaria Rock Beer, e Fabiano Mandelli, sommelier de cerveja e consultor de bares e restaurantes.

FOTOS: Filipe Araújo/Estadão

De Molen Blikken & Blozen

Origem: Holanda

Preço: R$ 25 (335 ml), na Cervejoteca (R. Sena Madureira 749, Vila Mariana, 5084-6047)

Teor: 8,5%

Beba com moderação, pois o álcool não se faz de rogado. Mas está bem disfarçado com os gostos adocicados do malte, o cheiro de caramelo e o amargor do lúpulo. É uma saison desvirtuada e divertida.

Aromas: adocicados e frutados.

Vai bem com: bisteca suína e lasanha à bolonhesa.

Urthel Saisonnière

Origem: Bélgica

Preço: R$ 13,90 (330 ml), no emporiobendicta.com.br

Teor: 6%

O álcool forte não tira o potencial de refrescância desta cerveja. Tem cheiros exóticos de fazenda (mato, feno, palha).

Aromas: herbáceos, adocicados e levemente condimentados.

Vai bem com: ovo quente, risoto de funghi e peixes suaves, como namorado.

Evil Twin Ron And The Beast Ryan

Origem: EUA

Preço: R$ 52 (660 ml), na cervejasocialclube.com.br

Teor: 7%

Saison no estilo americano de ser. É um pouco como o estilo pede e tem aquela natureza americana de fazer estilos à sua maneira. Tem aroma de celeiro.

Aromas: condimentados e frutados.

Vai bem com: filé com alho frito por cima e paella.

Saison Dupont 

Origem: Bélgica

Preço: R$ 51,90 (750 ml), na puromalte.com.br

É uma saison clássica.

Teor: 5,5%

Cheiro de cravo, laranja e malte. Surpreende quando o lúpulo aparece no copo. Espuma persistente.

Aromas: condimentados, adocicados e cítricos.

Sabores: malte, amargor e doçuras equilibrados, acidez baixa. Cerveja seca e levemente adstringente.

Vai bem com: costelinha frita e carré de cordeiro.

>> Veja todas as notícias da edição do Paladar de 6/6/2013

Ficou com água na boca?