Paladar

Comida

Comida

A delicada moqueca capixaba

A moqueca capixaba do chef Juarez Campos (Foto: Felipe Rau/AE)

31 julho 2011 | 15:36 por janainafidalgo

Por Fabiana Guedes

A aula do chef Juarez Campos teve gosto regional. Como prato principal, preparou uma delicada moqueca capixaba. Mas foi nos petiscos oferecidos por ele em forma de prosa que o público (que lotou a sala) se esbaldou.

Entusiasta dos produtos do seu estado, o Espírito Santo, o chef é um apaixonado defensor da cultura local. Boa parte da aula foi dedicada à divulgação do trabalho das Paneleiras de Goiabeiras, uma associação de mulheres que produzem as originais panelas de barro – o “tempero principal e essencial” dos pratos capixabas.

Entre coentros, óleo de urucum e peixe badejo, Juarez contou que aos 36 anos de idade decidiu “ser feliz”. Largou a profissão de bioquímico e começou a estudar culinária. “Ouvi um conselho que me acompanhou a vida toda: se quiser cozinhar, cozinhe algo que é parte sua. Algo que ninguém – ou poucos – sabem fazer”, contou, explicando sua opção pela culinária capixaba.

O chef Juarez Campos (Foto: Felipe Rau/AE)

Ficou com água na boca?

Descontraído, arrancou risos da plateia muitas vezes, como quando disse que chef é feliz porque faz festa todo dia, come bem e bebe a preço de custo. No final de sua apresentação, ganhou um carinho especial da também capixaba Bárbara Verzola, que deu aula no primeiro dia do Paladar – Cozinha do Brasil.

Além do blog do Paladar, você também pode acompanhar as aulas do Paladar – Cozinha do Brasil pelo Twitter, Facebook e ver fotos no Instagram do Paladar (programa de fotos do iPhone).

Ficou com água na boca?