Paladar

Comida

Comida

Neide Rigo ensina a fazer beiju de tapioca em casa

Colunista do Paladar mostra como fazer o beiju a partir do polvilho, e não da farinha já hidratada vendida em supermercado, que custa mais e tem validade mais curta

23 janeiro 2017 | 14:56 por Redação Paladar

A nutricionista Neide Rigo, colunista do Paladar e autora do blog Come-se, é defensora antiga da mandioca não apenas como alimento nativo rico em nutrientes mas também como substituto versátil no preparo de bolos e pães, incluindo no lugar da farinha de trigo, cuja produção no Brasil é inferior à demanda e gera importações e preços altos.

Em sua coluna, ela já falou da raiz e de seus usos na cozinha, como no preparo de beijus de tapioca. Diante da febre dos saquinhos vendidos em supermercados com o polvilho (amido ou tapioca) já hidratado para fazer beijus na frigideira, ela ensina em vídeo como fazer essa mesma hidratação, economizando dinheiro e evitando conservantes e outros químicos indesejados.

Depois do beiju tradicional, branquinho, vêm as criações de Neide, com o polvilho hidratado com sucos coloridos, além de beiju feito com flores comestíveis e outras decorações. Fácil de fazer e uma delícia de comer. Confira o passo a passo da receita. 

Ficou com água na boca?

LEIA MAIS:

- Infográfico Estadão: Os descendentes da mandioca

- Faça sua própria massa de tapioca

- Aprenda a fazer beiju e comece a inventar

 

Ficou com água na boca?