Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Abre o José, novo restaurante de Higienópolis

Abriu na sexta, 5, sem muito alarde, o José, novo restaurante em Higienópolis e o Paladar foi visitar. A casa funciona por enquanto apenas no almoço e está acertando o serviço do salão – mas já cobra o preço cheio do cardápio. Fica em um espaço bem aproveitado na rua Mato Grosso, em frente ao cemitério da Consolação, área que concentra alguns restaurantes, como Bravin, Antonietta, Ici e Mercearia do Francês. (Atualização: a casa já funciona todos os dias no almoço e abre também para jantar; veja serviço abaixo).

09 setembro 2014 | 17:18 por joseorenstein

Ambiente do novo restaurante em Higienópolis. FOTOS: José Orenstein/Estadão

O negócio é pareceria entre o produtor Cacá Ribeiro, das boates Lions e Yacht, José Eduardo Rotella, embaixador da Chivas Regal, José Eduardo Reis, investidor, e o chef Rodrigo Lacerda, que trabalhou no Fouquet’s em Paris. Os donos preveem abrir para o jantar também a partir do dia 17 de setembro.

Salão do José, nova opção na rua Mato Grosso

 O menu é inspirado na cozinha francesa e com acento mediterrâneo. Como entrada, há, por exemplo, coxinhas de rã à provençal, sopa de cebola – clássicos gauleses – e também carpaccio de polvo com molho de limão  e palmito pupunha (prato provado pela reportagem, um ponto ácido acima) ou vitello tonnato mais achegados ao Mare Nostrum. Todas as entradas, saladas e petiscos para compartir custam R$ 25.

Carpaccio de polvo com palmito pupunha

Ficou com água na boca?

 Entre os pratos principais, escolhe-se entre carnes e peixes, todos por R$ 45. Cordeiro assado, caneloni de rabada, brandade de pato, bife choriço (R$55) e bife bourguignon entre os sangrentos; sardinha, vieiras (R$55), linguado, atum ou anchova entre  as coisas do mar.

Atenção ao bife bourguignon, que não é boeuf : não é cozido e picado como na receita tradicional, é um bife mesmo, de acém de angus, servido com molho de cogumelos e echalotes no vinho e um purê de mandioquinha (também provado pela reportagem, estava saboroso, mas ficou a sensação de que faltava um certo corpo ao prato, já que a carne não absorvia o molho).

 

‘Bife’ bourguignon: de acém, com panceta e purê de mandioquinha

 As sobremesas saem todas por R$15: galette de maçã com sorvete de baunilha, torrone de pistache com abacaxi, baba caipirinha (versão brasileira do baba ao rum), pão de ló com chocolate, mousse e ganache e, por fim, o quarteto brulée – este, provado pela reportagem: quatro versões do tradicional creme – de baunilha, um tanto arenoso; de morango, doce demais e com gosto de tutti-fruti; de chocolate, mais rígido; e de limão, o melhor deles.

A conta, com entrada, prato, sobremesa e água com gás saiu por R$ 99, serviço incluso.

SERVIÇO – José

Rua Mato Grosso, 412, Higienópolis

Tel.: 2193-3957

Horário de funcionamento: 12h/15h (2ª a 6ª); 12h/17h (sáb. e dom.); 20h/oh (3ª a sáb.)

Manobrista: R$ 25

www.sitedojose.com.br

 

 

Rua Mato Grosso, 412- Higienópolis
Telefone: (11) 2501- 0259/ (11) 2193- 3957
Capacidade: 70 pessoas
Cartões de crédito: Visa, Mastercard, Diners e Elo
Horário de funcionamento:
o   Almoço à la carte – segunda à sexta (exceto feriados), 12h às 15h; sábado, domingo e feriados, 12h às 17h;
o   Jantar à la carte – terça a sábado, 20h à meia-noite.
Vallet: R$ 25,00
Wi-fi: grátis
Ar condicionado/ Acesso para deficiente
Não possui área para fumantes

Ficou com água na boca?