Paladar

Restaurantes e Bares

Restaurantes e Bares

Noma contrata novo chef pâtissier

Noma contrata novaiorquino radicado no Bronx e com passagens pelo WD-50 e pelo Per Se, Le Cirque

16 outubro 2014 | 18:48 por redacaopaladar

Por Luiz Felipe Barbieri

Especial para o Estado

O dinamarquês Noma, do chef René Redzepi, anunciou a contratação de Malcolm Livingston II, de 28 anos, como seu novo chef pâtissier. O Noma foi eleito o melhor restaurante do mundo pela quarta vez em abril pelo ranking 50 Best, da revista Restaurant.

O americano cresceu no Bronx, em Nova York, e passou pelo Per Se e o Le Cirque, na cidade. Ele também trabalhou cinco anos na cozinha do WD-50, restaurante do chef Wylie Dufresne que fechará no fim de novembro, que possui um importante programa de confeitaria.

Ficou com água na boca?

FOTO: Griffin Parker/NYT

Redzepi se disse surpreso com os mais de 50 profissionais que se interessaram pela vaga. “Vários deles eram muito capazes, mas Malcolm sempre esteve na minha cabeça”. Segundo o chef, pesou na escolha o fato de Livingston ter trabalhado com o Dufresne. “A escola de confeitaria do WD-50 foi quase sem igual na última década ou mais. Os confeiteiros que saíram daquela cozinha tem influenciado métodos e ideias em cozinhas ao redor do mundo”, ressaltou.

Livingston vai substituir Rosio Sánchez, que também teve passagem pelo WD-50, na função e embarca com destino a Copenhague no final de novembro.

Ficou com água na boca?