Bares para tomar gim-tônicas diferentes e especiais

O drinque continua em alta, mas nenhum gim-tônica é igual ao outro, variam as tônicas, gins e preços. Confira roteiro de lugares para conhecer diferentes versões

Renata Mesquita

Você pode ler 5 matérias grátis no mês

ou Assinar por R$ 0,99

Você pode ler 5 matérias grátis no mês

ou Assinar por R$ 0,99

Atualizamos nossa política de cookies

Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.

O gim-tônica pré-pronto, na latinha ou garrafinha, vai sobreviver por muitos carnavais. Mas, apesar de toda a praticidade que esse tipo de produto oferece, ele não vai substituir o drinque preparado por um bartender profissional.

Nenhum gim-tônica é igual ao outro. O estilo do gim usado, a qualidade do gelo, a tônica, as infusões, cascas de limão, laranja, pepino, o tipo de copo… Tudo faz diferença!

O gim-tônica também é democrático – e pode ser encontrado em quase todos os bares e restaurantes da cidade. Atualmente, uma onda de tônicas premium (e mesmo importadas) trouxe mais um diferencial para a bebida.

E aquilo que eu considero a maior virtude do gim-tônica: ele é a porta de entrada para o mundo da coquetelaria. Muita gente que começou por ele já se permite experimentar outras coisas – seja na mesma linha (refrescante) ou abraçando a complexidade de sabores de outros drinques.

A seguir, dicas de lugares para tomar gim-tônicas diferentes e especiais:

 

O diferentão: Monkey Bar

O bar, anexo ao Banana Café, é a embaixada do gim alemão Monkey 47 em São Paulo. Trata-se de um gim composto por 47 botânicos – que combina ervas nativas da Floresta Negra e bagas e botânicos asiáticos exóticos. Vale prestar atenção na complexidade desse que é considerado um dos melhores gins do mundo. Tente o Tchaca (com Monkey 47, lichia, morango e tônica Fever Tree).

Onde: R. Jerônimo da Veiga, 194, Itaim. 18h/1h (fecha dom. e 2ª)

 

Único: Frank Bar

O gim-tônica do Frank é único porque é feito com tônica artesanal, gaseificada no próprio local. O sabor fica ligeiramente diferente do que estamos acostumados. Vale muito a pena experimentar. Atenção: ele não está no cardápio – mas pode ser pedido no balcão.

Onde: R. São Carlos do Pinhal, 424, Bela Vista. 18h/1h (5ª, 6ª e sáb., até 2h; fecha dom.)

 

Preço: Boteco Paramount/ Majestic/ Sylvester

Nos três endereços você encontra ótimos gim-tônicas – preparados por excelentes profissionais do bar. E o melhor: é possível encontrar versões a partir de R$ 16,90.

Onde: Paramount: R. dos Pinheiros, 1179. Majestic: R. Delfina, 130. Sylvester: R. Maria Carolina, 745.

 

Café da manhã: G&T Gin Bar

Fachada do G&T, bar dedicado ao drinque

Beba sempre com moderação. E lembre-se: beber melhor é beber menos. Mas vai que um dia você acorde com um desejo incontido de beber um gim-tônica matutino. Bom, além de quase 200 rótulos de gim, o bar (foto) abre às 9h.

Onde: R. Oscar Freire, 604, Jardim Paulista. 9h/2h (dom., até 22h)

Tudo o que sabemos sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato