Paladar

Bamberg Alt: cerveja nova, receita “velha”

27 maio 2009 | 15:59 por Roberto Fonseca

Ficha Bamberg Alt 2009 em chope, não-filtrada

Depois de alguns meses de intervalo – sua primeira edição foi lançada em meados de 2008 -, degustadores voltam a ter uma cerveja alt (ou altbier) à disposição no País, a Bamberg Alt, feita na cidade paulista de Votorantim. Originário de Dusseldorf, na Alemanha, o nome do estilo quer dizer “velho” na língua local. Mas calma lá, ninguém que prove uma alt tomará cerveja “passada”: a denominação se refere à “velha escola” cervejeira, onde eram produzidas variedades de alta fermentação da bebida. Em oposição, a “nova escola” (nova, claro, no início do século 19) era representada pelas cervejas lager, de baixa fermentação, que se popularizaram com o surgimento de tecnologias que permitiam manter o resfriamento da cerveja além dos meses frios. Outra versão para o nome tem ligação com os longos períodos de armazenamento a que eram submetidas as cervejas do estilo.

Como se pode ver pela foto, a Bamberg Alt é uma cerveja de cor castanho-avermelhada. De 2008 para cá, porém, a cerveja passou por mudanças. Este humilde blogueiro teve a oportunidade de prová-la em primeira mão no sábado. A Alt degustada era um “chope engarrafado” (sem pasteurização) e não havia sido filtrada. Mas eram nítidas as diferenças. Ao contrário da versão do ano passado, com notas de malte mais destacadas no aroma e sabor, a Alt 2009 faz seu lúpulo se mostrar bastante presente no nariz e na boca. Segundo Alexandre Bazzo, da Bamberg, o objetivo da mudança da fórmula era tornar a cerveja mais parecida com as representantes do estilo em Dusseldorf. Embora não tenha outras experiências com altbiers (não cheguei nem a provar a Frankenheim, que perambulou por estas bandas há alguns anos), acho que, de fato, a cerveja ganhou muito mais personalidade e melhorou.

Bamberg Alt em formato 2008, já filtrada

Hoje (ou melhor, daqui a pouquinho, às 20h do dia 27/5/2009), a Forneria Melograno, na Vila Madalena, fará o lançamento da Bamberg Alt ainda em versão chope (as garrafas devem chegar ao mercado em alguns dias). Cada copo sai a R$ 5. A casa ainda fará evento especial para a cerveja, com palestras de Bazzo e do cervejólogo Eduardo Passarelli, da Melograno, e harmonização da Alt com pratos.Infelizmente, porém, as entradas para esse evento se esgotaram. Mas dá para ficar só no chope hehehe.

Ficou com água na boca?