Paladar

Com novas medalhas, Bamberg se aproxima da Eisenbahn

12 setembro 2011 | 13:55 por Roberto Fonseca

Eisenbahn Dunkel e Bamberg Rauchbier, as cervejas mais premiadas do Brasil, com 8 e 7 medalhas (Fotos: Divulgação)

 

Com uma medalha de ouro (para sua Weizen) e duas de prata (Munchen e Schwarzbier) conquistadas semana passada na Copa Cervezas de América, no Chile, a Cervejaria Bamberg, de Votorantim, acirra a disputa com a líder Eisenbahn, de Blumenau, pelo título de cervejaria mais premiada em competições envolvendo a nobre bebida. Levantamento feito pelo Ibob mostra que os paulistas atingiram 21 medalhas e escolhas de “melhor cerveja”, contra 27 dos catarinenses. A Bamberg ainda conta com dois prêmios de melhor cervejaria, dados pela South Beer Cup e Copa Cervezas de América. Coincidência, ambas as marcas também são donas das cervejas mais premiadas do Brasil, a Eisenbahn Dunkel e a Bamberg Rauchbier, com, respectivamente, oito e sete medalhas ou indicações de “melhor cerveja”.

Se a Eisenbahn, criada em 2002, lidera o ranking geral, em 2011 a Bamberg, surgida no final de 2005,  ganha o duelo de premiações com folga sobre o “adversário”: 13 medalhas contra seis. Confira os prêmios de cada uma:

EISENBAHN

2007

Bronze para Dunkel (European Beer Star)

Bronze para Weizenbock (European Beer Star)

2008

Bronze para Dunkel (European Beer Star)

Bronze para Pilsen (European Beer Star)

‘5’ eleita melhor da categoria (World Beer Awards)

Kölsch eleita melhor da categoria (World Beer Awards)

Lust eleita melhor cerveja acima de 7% no International Beer Challenge Awards

Bronze para a Dunkel (World Beer Cup)

Prata para a Dunkel (Australian International Beer Awards)

Prata para a Weizenbock (Australian International Beer Awards)

Prata para a Lust (Australian International Beer Awards)

2009

Bronze para a Dama do Lago (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Pilsen (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Kölsch (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Pale Ale (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Weizen (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Rauchbier(Australian International Beer Awards)

Ouro para a Dunkel (European Beer Star)

Prata para a Weizenbock (European Beer Star)

Ouro para a Dunkel (Australian International Beer Awards)

Prata para a Weizenbock (Australian International Beer Awards)

2010

Sem premiações

2011

Prata para a Strong Golden Ale (South Beer Cup)

Prata para a Dunkel (South Beer Cup)

Bronze para a São Sebá (South Beer Cup)

Bronze para a ‘5’ (Australian International Beer Awards)

Bronze para a São Sebá (Australian International Beer Awards)

Prata para a Dunkel (Australian International Beer Awards)

 

BAMBERG

2009

Prata para a Rauchbier (European Beer Star)

2010

Prata para a Rauchbier (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Schwarzbier (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Munich (Australian International Beer Awards)

Melhor da América na Categoria para a Rauchbier (World Beer Awards)

Melhor do Mundo na Categoria para a Rauchbier

Ouro para a Rauchbier (Mondial de la Biére)

Ouro para a Schwarzbier (Mondial de la Biére)

2011

Prata para a Schwarzbier (South Beer Cup)

Prata para a Rauchbier (South Beer Cup)

Prata para a Helles (South Beer Cup)

Prata para a Munich (South Beer Cup)

Bronze para a Alt (Australian International Beer Awards)

Bronze para a St. Michael (Australian International Beer Awards)

Bronze Rauchbier (Australian International Beer Awards)

Bronze Schwarzbier (Australian International Beer Awards)

Bronze para a Munich (Australian International Beer Awards)

Ouro para a Weizen (Copa Cervezas de América)

Prata para a Munich (Copa Cervezas de América)

Prata para a Schwarzbier (Copa Cervezas de América)

Melhor Cerveja das Américas para a Weizen (Copa Cervezas de América)

 

Em tempo: a Bierland, de Blumenau, também ganhou ouro com sua Pale Ale e bronze com a Bock na Copa de Cervezas America. Parabéns para mais uma força ascendente no mundo das cervejas artesanais.

Tags: