Paladar

Eisenbahn lança Doppelbock para celebrar 10 anos

09 maio 2012 | 14:35 por Roberto Fonseca

O que corria informalmente em fóruns cervejeiros nas redes sociais se confirmou. A Cervejaria Eisenbahn, de Blumenau (SC), vai lançar mesmo uma doppelbock para comemorar os dez anos de existência da fábrica. Segundo apurou o blog, seria, possivelmente, uma doppelbock clara (por padrão, com menos de 20 unidades na escala da European Beer Convention), o que é interessante, até para se diferenciar da Baden Baden Inverno, doppelbock escura produzida anualmente pela cervejaria de Campos do Jordão (SP). As duas fábricas pertencem à Kirin/Schincariol.

A Eisenbahn 10 anos deve vir em garrafas de rolha, a exemplo da Lust e das vencedoras do Concurso Mestre=Cervejeiro da fábrica – aliás, vai ser retomada ou não a iniciativa ? – Dama do Lago, Joinville Porter e São Sebá. Por isso, parte do processo será feita na San Michele, mesma vinícola que cuidou dos outros rótulos. No caso da Lust, a San Michele ainda realizou o processo de champenoise. Será que repetem a dose na 10 anos? Mas isso, por ora, é só especulação, como a informação veiculada no Facebook de que ela seria maturada em barris de madeira. A confirmar.

O blog também apurou que, ao contrário de outros anos, em que a festa ocorria na própria cervejaria, os 10 anos da Eisenbahn devem ser celebrados na Vila Germânica, palco da Oktoberfest de Blumenau.

Em 2007, para celebrar seus 5 anos, a Eisenbahn lançou a ‘5’, uma vienna lager com dry hopping, inspirada na Samuel Adams Boston Lager, que fez bastante sucesso pelo amargor, à época um dos mais destacados entre produções nacionais. Com a evolução do mercado, foi ultrapassada no quesito lúpulo, mas ainda é uma bela relação custo-benefício entre cervejas de supermercado. Como a ‘5’ foi vendida desde sempre em long necks, sua entrada na linha fixa da marca foi facilitada. Resta saber se a ’10’, com o processo de arrolhamento, será sazonal ou fixa.

Em tempo: quando escrevi este post, cheguei a pensar que a cerveja de aniversário da Eisenbahn poderia ser inspirada na Infinium, parceria entre a alemã Weihenstephaner e a norte-americana Samuel Adams, uma belgian strong ale. Mas achei na época que era muita viagem. Hoje, já apostaria um pouquinho mais nessa “inspiração”.

Tags:

Ficou com água na boca?