Paladar

Melhores de 2011, parte 28: Herbert Schumacher

18 janeiro 2012 | 12:23 por Roberto Fonseca

Herbert Schumacher (Foto: Arquivo pessoal)

Veja os votos de Herbert Schumacher, da Cervejaria Abadessa, de Pareci Novo (RS):

Melhor lager nacional
Sei que não conheço bem a música Camila, Camila da banda gaúcha Nenhum de Nós, mas a Camila, Camila da Bamberg é realmente uma obra de arte. Excelente cerveja para o estilo !!!

Melhor ale nacional
O mestre cervejeiro alemão Fritz Tauscher criou em 2006  a Abadessa Hildegard von Bingen Weizenbier e, a cada ano que passa, ela fica melhor. A versão de 2011 ficou simplesmente fantástica a ponto de o dono da Abadessa (o próprio Schumacher) não querer vendê-la.

Melhor lager importada para o Brasil
Desde os meus tempos de estudante na Alemanha no século passado, eu já tomava a Pilsner Urquell. Mas depois que visitamos a cervejaria na cidade de Pilsen e tomamos a Urquell diretamente dos tanques de madeira nos subterrâneos da fábrica, aí sim não tive mais dúvida da qualidade desta magnífica cerveja.

Melhor ale importada para o Brasil
Depois de morar 13 anos na Baviera, não tinha como não me apaixonar pelas hefeweizen ou weissbier, como dizem os Bávaros. Já que não temos a famosa Unertl no Brasil, então escolho as não menos extraordinárias Schneider Weisse (todas) inclusive a TAP 3 sem álcool !!!

Melhor cerveja caseira
Conheço poucas cervejas caseiras, mas estou convencido da capacidade cervejeira de Alessandro Ren, do RS e  de Guilherme Galhardo, de SP.

Melhor cerveja de 2011 (aqui ou lá fora)
Em um belo final de  tarde de março de 2011,  Alexandre Bazzo (Cervejaria Bamberg) e eu fomos visitar a fábrica da famosa Augustiner em Munique. No bar da fábrica, após provarmos a Maximator Doppelbock, nos perguntamos: será que um dia vamos conseguir fazer uma cerveja deste nível ???

Novidade do ano
A responsabilidade social de algumas cervejarias para o consumo moderado de álcool, colocando em seus rótulos “Beba Menos, Beba Melhor”.

Melhor fato cervejeiro
O reconhecimento internacional  de cervejarias brasileiras e suas receitas, a destacar o trabalho de Marco Falcone da Falke Bier, com a Vivre pour Vivre,  de  Alexandre Bazzo, da Bamberg, e de Marcelo Carneiro, da Colorado.

Pior fato cervejeiro
O mesmo de 2010: a draconiana e devastadora legislação tributária brasileira para as pequenas e microcervejarias.

Tags:

Ficou com água na boca?