Paladar

Melhores de 2012, parte 26: Robson Vergílio

16 janeiro 2013 | 09:00 por Roberto Fonseca

Foto: Arquivo pessoal

Robson Vergílio, designer especialista em rótulos para cervejas, produtor caseiro e dono do bar cervejeiro The Brewer, na Praia de Camburi (SP):

1) MELHOR ALE NACIONAL

A grande surpresa do ano veio junto com o Papai Noel! A Bamberg Weihnachts, uma cerveja sem um estilo pré-determinado, mas que me agradou bastante, principalmente pela complexidade de aromas. Difícil defini-los em poucas palavras: a cada novo gole, uma nova sensação aromática surge. Apesar de ter sido criada para harmonizar com a ceia de Natal, é uma cerveja que vai bem a qualquer hora, mesmo sob o intenso calor que tem feito no litoral durante o dia. Basta dar uma “judiada” nela e gelar um pouquinho a mais do que o indicado.

2) MELHOR LAGER NACIONAL

Vai parecer “puxação de saco”, mas não é. Mesmo esta cerveja tendo sido lançada em 2011, só tive contato com ela em 2012, e simplesmente me viciei na Camila, Camila. A versão engarrafada é espetacular, mas a bebi bastante em chope, a maioria não filtrado, e confesso que a prefiro assim. Um lote engarrafado e não filtrado seria bem vindo!

3) MELHOR ALE IMPORTADA / 4) MELHOR LAGER IMPORTADA

Procuro prestigiar o cenário nacional. Confesso que provei poucas novidades “gringas”, e por isso não me sinto à vontade em indicar alguma cerveja nesta categoria.

5) MELHOR CHOPE

Mesmo adorando a Camila, Camila “on tap”, minha indicação nesta categoria vai para as ales da Britannica, principalmente a Pale Ale. Um chope extremamente leve e complexo em aromas.

6) MELHOR BAR CERVEJEIRO

Gostaria de indicar o meu, o The Brewer, mas não o farei. Fico com o Empório Alto de Pinheiros.

7) MELHOR CERVEJA CASEIRA

A  Capitu Oatmeal Stout, do Frederico Ming e do Marcelo Holl Cury.

8) MELHOR CERVEJA DO ANO, AQUI OU LÁ FORA

Questão difícil essa. Mas continuo com a Camila, Camila.

9) RÓTULO MAIS BONITO DO ANO

2012 foi um ano fraco em relação a design de rótulos. Poucas inovações e muitas releituras. Fico com a Colorado Guanabara, a releitura da Ithaca para o mercado estrangeiro.

10) NOVIDADE DO ANO

Já citaram (as leveduras da) White Labs etc. Seguindo esta linha, a novidade do ano foi o Lamas Brew Shop, com uma enorme variedade de fermentos secos e líquidos, todos com garantia de procedência e entrega. Atendimento especializado e preços justos. Todo mês eles apresentam uma novidade para facilitar a vida do cervejeiro caseiro. Indico, recomendo e compro lá.

11) MELHOR FATO CERVEJEIRO

Na minha opinião, o melhor fato cervejeiro de 2012 foi a mobilização em torno da reunião com o MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), no intuito de regulamentar a atividade cervejeira no país. Agora nos resta aguardar o que acontecerá por lá. Mas a mobilização da galera foi incrível.

12) PIOR FATO CERVEJEIRO

Infelizmente ainda existem muitas panelinhas no meio cervejeiro… mas esta panela está fervendo e eu não vou botar a mão nela.

Tags:

Ficou com água na boca?