Paladar

Melhores de 2012, parte 65: Raphael Rodrigues

29 janeiro 2013 | 09:00 por Roberto Fonseca

Foto: Arquivo pessoal

Raphael Rodrigues, do site Allbeers, representante brasileiro do site Ratebeer.com e que atua na parte de mídias da importadora Tarantino, de São Paulo (SP):

1) MELHOR ALE NACIONAL

Bodebrown Hopweiss com amarillo

2) MELHOR LAGER NACIONAL

Coruja Coice, cerveja sazonal, uma lager forte com canela

3) MELHOR ALE IMPORTADA

Sempre penso em alguns fatores para escolher a “melhor” de cada família ou estilo (facilidade de encontrar, preço, vontade de tomar…). Na minha opinião, Founders Centennial.

4) MELHOR LAGER IMPORTADA

Mikkeller American Dream Hoppy Lager, cerveja direta em sua proposta, final seco, refrescante e amarga.

5) MELHOR CHOPE

Nacional: Hi-5
Internacional: Rogue Yellow Snow

6) MELHOR BAR CERVEJEIRO

Aqui eu considero um empate… O Empório Alto dos Pinheiros (São Paulo), pela diversidade de rótulos, praticamente o paraíso cervejeiro no Brasil, e o BierMarkt Vom Fass (Porto Alegre), que tive o prazer de conhecer em 2012, com uma estrutura perfeita para os chopes e ambiente muito agradável.

7) MELHOR CERVEJA CASEIRA

Cafuza! Votei nela em todas enquetes de que participei, muito boa!

8) MELHOR CERVEJA DO ANO, AQUI OU LÁ FORA

Mikkeller USAlive! Mesma receita da It´s Alive, só que com lúpulo americano, que deixou a cerveja mais interessante, na minha opinião.

9) RÓTULO MAIS BONITO DO ANO

Mikkeller Vesterbro Toilet Bajer

10) NOVIDADE DO ANO

A primeira edição do prêmio “Destaques do Ano” pelo BBC (Blogueiros Brasileiros de Cerveja). Acredito muito no potencial dos blogs e realmente acho que é a melhor fonte de informação nos dias de hoje.

11) MELHOR FATO CERVEJEIRO

Grandes cervejarias internacionais chegando ao Brasil e aumentando a qualidade dos rótulos disponíveis ao consumidor: Mikkeller, De Molen, Struise, Anchor, Founders, Verhaeghe, Ayinger, Sixpoint, entre outras.

12) PIOR FATO CERVEJEIRO

Toda a confusão gerada no festival Wikibier, com cervejeiros caseiros não participando do evento. Quem perdeu com tudo isso foi o público e também a cultura cervejeira.

Tags: