Paladar

Melhores de 2012, parte 93: Rodrigo Campos

07 fevereiro 2013 | 14:30 por Roberto Fonseca

Foto: Arquivo pessoal

Rodrigo Campos, dono do blog Para Que VoCerveja, de Fortaleza (CE):

1) MELHOR ALE NACIONAL

Seasons Green Cow IPA, minha escolhida ano passado continua por eu não ter provado nada novo que tenha me surpreendido tanto quanto ela em 2011. Infelizmente não chega comercialmente aqui em Fortaleza, mas consegui que uma caixa dela viesse até aqui direto da fábrica, então bebi bem fresca. Mesmo depois de uns 5 meses guardada na geladeira, a última das 10 garrafas ainda se manteve maravilhosa.

2) MELHOR LAGER NACIONAL

Ano passado escolhi a Bierland Vienna, mas agora vou ficar com uma novidade que me chamou atenção: Way Amburana Lager. Boa complexidade, madeira bem controlada mas presente. Cerveja interessante.

3) MELHOR ALE IMPORTADA

Struise Pannepot. Quem diria que um dia teríamos Struise no Brasil! A Pannepot é umas das melhores deles. Infelizmente o preço é um pouco mais alto, mas ainda menor do que encontrávamos algumas trapistas há somente uns 2 anos. Poderia até mesmo escolher outra mais cara que ela, mas o preço dessa é tão mais alto que pelo custo benefício prefiro ficar com a Pannepot.

4) MELHOR LAGER IMPORTADA

Brooklyn Lager, quando encontrada em boas condições, pelo custo benefício. Tive problemas mais de uma vez com cervejas da Brooklyn esse ano.

5) MELHOR CHOPE

Não provei muitos, pois estou longe dos principais bares que servem boa variedade de chopes artesanais ou importados. Dos que provei, tem um que repeti e, se pudesse, beberia agora de novo: KüdBier Black Bird, uma black IPA equilibrada e saborosa.

6) MELHOR BAR CERVEJEIRO

Estive longe dos principais bares cervejeiros do Brasil esse ano. Acho injusto votar em algum sem ter visitado. Vou escolher o único bar aqui de Fortaleza que serve chopes importados: o Sherlock’s Pub, aberto em 2012 mesmo. Teve Hofbräu, Erdinger, Warsteiner, Old Speckled Hen e Fullers ESB. Destaque para os dois últimos. Em terra de cego, quem tem um olho é rei. Tomara que cheguem mais novidades em 2013.

7) MELHOR CERVEJA CASEIRA

Drei Adler Cuca Honey Saison. Provei poucas caseiras esse ano. Uma delas inclusive foi feita por um amigo aqui em Fortaleza com a minha ajuda: a Fulerage Beer & Para Que VoCerveja Collaboration IPA. Ficou muito boa também, mas a saison da Drei Adler foi uma cerveja de que gostei muito.

8) MELHOR CERVEJA DO ANO, AQUI OU LÁ FORA

Pergunta extremamente difícil de responder. Poderia ser a The Bruery/Cigar City Marrón Acidifié, Utopias 2011, Struise Cuvée Delphine. Fico sem saber qual escolher!

9) RÓTULO MAIS BONITO DO ANO

Não é novidade do ano de 2012, mas o rótulo mais bonito, para mim, é o da Bodebrown HopWeiss. Foi o primeiro de que lembrei, mas tem muitos outros que posso nem mesmo ter lembrado. Não tem perguntas mais fáceis para o próximo ano?

(nota do blog: teremos, sim. E elas envolverão conceitos avançados de física quântica aplicados à cerveja…)

10) NOVIDADE DO ANO

De fora, destaco a chegada de muitas cervejas importadas há muito esperadas, como Struise, Mikkeller, Dupont, De Molen, Founders, Ayinger, Uerige. Infelizmente, as novidades vieram quase todas com preços bem salgados. Ainda não provei todas, mas tá faltando melhorar um pouco o trabalho e cuidado com elas na importação e distribuição. No mercado brasileiro, eu destaco a ousadia e posicionamento da Way de Curitiba. Várias cervejas equilibradas e alguns lançamentos com experimentações. Só um recado: podem ousar mais ainda que tem mercado para isso!

11) MELHOR FATO CERVEJEIRO

Entrada forte de grandes players no mercado de cerveja. Grandes redes estão vendendo e importadoras de outras áreas passaram a trabalhar também com cerveja. O resultado disso foi a diminuição sensível no preços de cervejas que já eram encontradas no mercado brasileiro. O consumidor agradece. Eu coloquei o fator preço como um dos pontos negativos nas outras duas vezes que participei da enquete. Com certeza as loja pequenas devem ter sentido e precisam se readequar em determinados pontos. Só tenho medo do que pode acontecer no futuro se os grandes players resolverem mudar de estratégia.

12) PIOR FATO CERVEJEIRO

Bebi muita cerveja oxidada esse ano. Tá faltando acertar alguns pontos para garantir a qualidade das cervejas que chegam ao consumidor.

Tags:

Ficou com água na boca?