Paladar

Novas versões da Brewdog chegam ao País

14 setembro 2011 | 18:10 por Roberto Fonseca
Acima, Bitch Please (esq.), Alice Porter e Abstrakt AB 6; embaixo, as quatro cervejas do kit IPA is Dead (Fotos: Cervejaria Brewdog)

 

Soube há pouco que a Tarantino, que traz as cervejas da escocesa Brewdog ao País, deve começar a vender na semana que vem novas receitas da marca, muitas das quais sazonais e difíceis de achar até por lá. Pela ordem:

Alice Porter: como diz o nome, é uma porter com 6,5% de teor alcoólico, 50 IBUs (unidades de amargor, sempre lembrando que lagers industriais têm menos de 10), que leva baunilha na fervura. Deve custar a partir de R$ 19,50 e chegará na versão chope a alguns pontos de venda.

Bitch Please: barley wine de 12% feita em colaboração com a cervejaria norte-americana 3 Floyds, leva malte de uísque, toffee e outros adjuntos que ainda não consegui decifrar. Deve custar a partir de R$ 90.

IPA is Dead: série de quatro india pale ales de 7,5%, cada uma lupulada e dry hopped (cuja tradução seria algo como ‘pós-lupulada’, e não ‘lupulada a seco’) com apenas uma variedade do ingrediente (no processo chamado de single hopping, sem tradução para o português). As variedades são: Nelson Sauvin, BramlingX, Citra e Sorachi Ace. O kit com as 4 custará a partir de R$ 150. É a primeira linha de cervejas ‘single hopped’ lançada comercialmente no Brasil (embora alguns produtores caseiros, como a cervejaria Brix, tenham lançado kits em tiragens reduzidas).

Abstrakt AB 6: faz parte de uma série de cervejas lançadas apenas uma vez por ano. No caso, trata-se de uma Imperial Black IPA com 11,5% de teor alcoólico, que passa três vezes pelo processo de dry hopping. Deve custar a partir de R$ 225.

Bashah: ainda não achei foto desta. Trata-se de uma outra parceria da Brewdog, desta vez com os norte-americanos da Stone. É uma black belgian double IPA (algo como um cruzamento turbinado de uma black IPA com uma belgian IPA, creio), com 8,6%. Foi lançada em 2009 e já tem versões envelhecidas em barris de madeira. Também deve custar a partir de R$ 225. Abaixo, o rótulo dela:

Rótulo da Bashah (Crédito: Cervejaria Brewdog)

Enfim, essas são as notícias. Certamente haverá muita polêmica envolvendo os preços, alguns bem acima da média do mercado. Mas há, ainda, a curiosidade em saber que apito tocam as cervejas. A conferir.

Em tempo: leia mais comentários do blog sobre a linha Brewdog aqui, aqui e aqui.

 

Tags:

Ficou com água na boca?