Paladar

‘Pão líquido’ em três versões nacionais

12 julho 2012 | 16:22 por Roberto Fonseca

(coluna publicada na edição de 12/7/2012 no caderno Paladar)

Embora no Brasil tenha sua produção e lançamento associados ao inverno, o estilo doppelbock, de origem alemã – mais precisamente de Munique – está ligado à Quaresma no país europeu. Por sua potência de malte, foi apelidada de “pão líquido” e era consumida por monges em jejum – que, contudo, podiam tomar cerveja.

Há três receitas locais do estilo comercializadas, sendo a mais antiga produzida pela Baden Baden, de Campos do Jordão, que chega à sua nona edição. O grupo deve crescer nos próximos dias, com a chegada da Eisenbahn 10 anos, cerveja de aniversário da micro de Blumenau – que, assim como a Baden Baden, pertence hoje à Schincariol/Kirin. Mas ela deve ter algumas mudanças em relação à doppelbock tradicional. A conferir.

Tags: