Paladar

Um café para dividir

Histórias e experiências sobre o café

Café vai bem com quase tudo: leite, uísque e até Cannabidiol

São inúmeras as possibilidades de bebidas feitas com café. A tendência mais recente é a adição de CBD, substância encontrada na planta da cannabis

20 de maio de 2019 | 18h23 por Ensei Neto

O café tem conquistado novos adeptos devido às suas muitas possibilidades de preparo e à sua versatilidade na criação de bebidas com diferentes ingredientes.

Certamente, o ingrediente que pode ser considerado um clássico é o leite. Desde um tradicional e sempre querido café com leite até as diversas combinações com café expresso e os desenhos de latte art que sempre encantam as pessoas, o leite é, sem dúvidas, o parceiro mais antigo do café!

Com o tempo, outros ingredientes foram incorporados na criação de outras bebidas à base de café. Nesse quesito, um dos mais frequentes é o chocolate, seja para ser polvilhado num cappuccino ou como base para uma bebida mista café, leite e chocolate.

Nos anos 1940, um chefe de bar chamado Sheridan, que trabalhava no aeroporto de Foynes, na Irlanda, criou uma bebida que viria se tornar um dos ícones entre as combinações com café: o irish coffee. Uma dose de café, outra de uísque irlandês e um toque de creme de leite batido. Perfeito para aquecer corações e mentes!

Latte Art. FOTO: Ensei Neto/Arquivo Pessoal

Há poucos anos, uma combinação pouco ortodoxa começou a se popularizar entre o pessoal de vanguarda na Califórnia, USA: óleo de coco e manteiga. Essa bebida, conhecida por bullet proof (à prova de balas, na tradução literal), é uma verdadeira bomba calórica cafeinada, que, segundo seu criador, Davey Asprey, é excelente para fazer o cérebro trabalhar de forma mais eficiente, tanto que, diz ele, melhorou seu QI em 25%!

Para os dias quentes de verão, a bebida que se tornou a preferida nos últimos anos foi a tônica café, preparada com uma dose de expresso, água tônica e muito gelo. Conquistou as pessoas pelo seu caráter refrescante e pela possibilidade de adicionar toques de frutas como limão e laranja.

A mais recente tendência na Califórnia (sim, sempre coisas diferentes começam por lá!) é a adição do CBD no café. CBD é a sigla que identifica o Cannabidiol, ingrediente ativo encontrado na cannabis (a maconha) que possui larga aplicação terapêutica por ter efeito anti-inflamatório, antiansiolítico, antipsicótico e anticonvulsivo. Um de seus principais usos é para pessoas que estão em tratamento contra o câncer, tendo excelentes resultados para diminuição de dores após as sessões de quimioterapia. Adicionado ao café, traz efeito relaxante e terapêutico, mantendo a mente atenta pela ação da cafeína.

E aí, qual é a sua combinação preferida?

Tags:

Ficou com água na boca?