Paladar

Jô Auricchio

Amados comentários

26 março 2009 | 16:59 por Estadão

Talvez o leitor mais apressado não tenha percebido, mas existe uma gama impressionante de coisas legais rolando nos comentários.

O nível dos leitores que passa por aqui dá até um calorzinho no coração. Eu fico felicíssimo. A humanidade, quem diria, não está fadada ao fim nas trevas da ignorância.

Comentem, por favor. Esse espaço é de vocês, para a livre troca de informações, de paixões pelas gostosuras da vida. E, sempre que possível, eu respondo aos comentários, coisa que inclusive gosto muito.

E daqui a pouco teremos um tsunami de coisas novas por aqui.
E por falar em coisas novas, o Paladar está preparando uma edição de páscoa que me deixou muito animado.

Além da tradicional avaliação de ovos de chocolate, que por si só já vale a leitura, ainda teremos coisas inéditas. Pena que se contar, serei destroçado pela equipe com requintes de crueldade que fariam Vlad, o empalador, parecer uma mocinha envergonhada.

A espera valerá.

Hoje também marcou um momento muito especial para mim. Fui convidado pela Patrícia Ferraz, editora do caderno, a acompanhar uma degustação de cafés. A surpresa: eu fui encarregado de falar a respeito no jornal.

Se puderem, dêem uma olhadinha. Estou muito longe de ter a proficiência da excepcional equipe oficial do caderno, mas me esforço para não fazer feio.

Ficou com água na boca?