Paladar

Luiz Américo Camargo

Eu só queria jantar

Bugio moqueado

05 dezembro 2009 | 17:44 por Luiz Américo Camargo

Essa conversa de carne de caça, tradições da floresta amazônica (leia alguns posts abaixo), macacos assados no moquém etc, tudo isso me fez recordar de um certo conto de Monteiro Lobato. Lembro de ter lido há muitos anos – meu pai era fã de Lobato, especialmente a obra para adultos -, e o nome era ‘Bugio Moqueado’. Estava num livro chamado ‘Obras-primas do Conto Fantástico’, editado nos anos 60 (Martins Editora). A seleção de autores era muito interessante: de Conan Doyle a Guy de Maupassant, passando por Afonso Arinos, Gastão Cruls e muitos outros, uma coleção de histórias esquisitas, mórbidas, fantasmagóricas…

Não sei se o volume ainda está na casa da minha mãe, mas acho que dá para encontrar em sebos. De fato, é um texto impactante, com um desfecho bizarro. E, à luz do mundo de hoje, politicamente incorretíssimo. Mas basta fazer uma busca como ‘Bugio Moqueado’ no Google. Tem lá. Só não leiam antes das refeições: pode ser que atrapalhe a digestão.

Ficou com água na boca?