Paladar

Luiz Américo Camargo

Eu só queria jantar

Respeito com o produto

14 fevereiro 2009 | 17:38 por Luiz Américo Camargo

Intervenções mínimas e competentes, combinações descomplicadas e na dosagem certa (mas, nem por isso, óbvias), técnica precisa. O jantar de ontem no restaurante 1884, em Mendoza (dentro do evento Masters of Food & Wine), mostrou que o experiente Francis Mallmann se estabeleceu realmente como um bom cozinheiro de produto. Pratos quase simples, sabores bem definidos, e não mais os métodos agressivos que exigiam temperaturas de 500, 600 graus (que o chef praticou inclusive quando trabalhou no Brasil). A seqüência: pedaços tenros de centolla com causa peruana (feita à base de batata amassada com azeite e outros complementos); salada de figos com mussarela fresca e manjericão; costeleta de cordeiro grelhada com purê de batatas; pêssegos e ameixas assadas no forno a lenha. Ingredientes bem escolhidos, produtos respeitados em seus pontos e texturas, sabedoria na composição dos pratos: é difícil errar quando a cartilha é bem seguida.

Ficou com água na boca?