Paladar

Um novo levain 2: 96 horas

Luiz Américo Camargo

Eu só queria jantar

Um novo levain 2: 96 horas

18 dezembro 2010 | 09:52 por Luiz Américo Camargo

Já se passaram dois dias desde que reforçamos a dose de suco de abacaxi e farinha integral. Nosso projeto de fermento cresceu, desenvolveu aromas. O meu, hoje cedo, apresentava uma textura de musse, bem aerado. Eis então o próximo passo.

Nosso levain vai mudar de consistência, e agora passaremos a usar água.

À nossa mistura, então, vamos acrescentar 5 colheres de sopa de farinha integral e três colheres de sopa de água (filtrada, ou mineral, à temperatura ambiente). De novo, é necessário mexer bem, deixar sem grumos, como se toda a farinha estivesse hidratada. A consistência ficará mais próxima da de uma massa de pão (vejam a foto).

Por fim, cubram desta vez com plástico (papel-filme, ou mesmo um saco, desses para alimentos), mas sem apertar muito, de modo a permitir que os gases produzidos no processo possam escapar. Nosso pote então vai voltar para o armário, e temos de novo que aguardar: entre 24 e 48 horas. A ideia é que a mistura cresça bastante. Em lugares muitos quentes, pode ser até que a expansão aconteça antes de 24 horas.

É por isso que precisamos ficar atentos. Olho vivo por aí.

Ficou com água na boca?