Paladar

Luiz Horta

A Magdeleine, quem diria!

26 dezembro 2008 | 13:30 por Luiz Horta

Magdeleine Noire des Charentes, um nome impressionante, não é? Parece personagem de Flaubert ou Balzac.Na verdade é a surpresa do ano: ela é a uva-mãe da Merlot. A uva-pai é a Cabernet Franc.

A descoberta, semana passada, por cientistas franceses, retraça o DNA das uvas mais conhecidas chegando à Madeleine. Merlot seria, portanto, o cruzamento natural da acidez e taninos (deliciosos na minha opinião de amante dos Chinon e demais tintos do Loire) da Cabernet Franc com a fertilidade desta rústica uva bretã, práticamente abandonada, mas cuja história vinícola vem da Idade Média.