Paladar

Luiz Horta

Ainda a pontuação

13 março 2009 | 11:35 por Luiz Horta

O problema de blogs é que os comentários ficam lá, escondidinhos. E tem alguns tão bons que merecem ser posts. O Fábio escreveu sobre pontuação de vinhos e resolvi copiar aqui o que ele disse (o grifo é meu):

“O problema de pontuar um vinho é esse mesmo que você descreveu: dá uma ilusão de objetividade mensurável a uma coisa tremendamente subjetiva. Degustar e julgar um vinho é mais ou menos como uma foto de polaroid feita por um fotógrafo não muito sóbrio. Recentes experiências na Alemanha constataram que até a cor e a iluminação da sala de degustação influem no julgamento. Em salas de cor azul ou vermelha, os mesmos vinhos ganharam pontuação superior às que receberam em salas pintadas de verde ou branco. (Atenção sommeliers, courtiers, vendedores e congêneres!)

E o beaujolais merreca que eu algum dia hei de beber com a Scarlett Johannson certamente vai ganhar mais pontos do que o Château Latour bebericado com, digamos, José Sarney…”

Ficou com água na boca?