Paladar

Leibale

16 novembro 2007 | 16:24 por Jamil Chade

Uma coisa boa, lembra a outra. Outro dia, fui almoçar num restaurante excelente de uma jovem cozinheira Andréa Kayfman Delicatssen (R. Mato Grosso, 450, Higienpolis, 3127-7350 (3281-4497) que me encantou com sua cozinha judaica delicada, artesanal e feminina.

Os seus varinikes (massas recheadas com vários ingredientes) são ótimos. A degustação de entradas é imperdível. Muitas delas lembram pratos árabes. Delicioso o patê de fígado de galinha , que me deu saudades do leibale da grande cozinheira Cecília Judkovitch, cujo restaurante fez história no Bom Retiro e, posteriormente, em Higienópolis.

A recita de Judith é mais do que simples, testadíssima e apareceu no meu livro Os Prazeres da Mesa II.

Ingredientes:

1 quilo de fígado de frango limpo e cortado em pequenos pedaços:
6 colheres de sopa de óleo de milho;
5 dentes de alho picadinhos;
300 gramas de cebola muito bem picada;
½ colher de sopa de sal e pimenta-do-reino.

Modo de fazer:

Salgue, apimente os fígados de frango picados e misture com o alho. Esquente metade do óleo numa frigideira e refogue o fígado. Deve secar a água que os fígados soltam.

Retire e coloque numa vasilha.

Esquente o óleo que sobrou e refogue rapidamente a cebola picada, que deve apenas murchar, sem mudar de cor.

Junte ao fígado e misture muito bem.

Coloque essa preparação numa tábua de cozinha e bata bem com uma faca afiada, reduzindo tudo a pedaços bem pequenos, como se tivesse moído. Se quiser, passe por um processador de alimentos para deixar com a consistência de um patê.

Salgue, apimente e sirva.

Bom apetite e bom final de semana!

Ficou com água na boca?