Paladar

O vinho para o prato – Domingo de Carnaval

25 fevereiro 2007 | 00:59 por Jamil Chade

Um ótimo branco argentino acompanhou com perfeição o delicado salmão, um Gran Chardonnay Joffré e Hijas 2005, um produtor de elite do Valle de Uco, uma zona alta (perto de mil metros de altutude), bastante fria e particularmente prezada para os brancos.

Os habituais toques de coisas torradas e de frutas tropicais (abacaxi) poderiam levar à conclusão de que o vinho passou pelo carvalho, o que não aconteceu, segundo o rótulo (90/100 pontos).

Um vinho com ótima acidez, macio, “doce” e muito equilibrado. Apenas não era dos mais longos, mas valorizou bastante o delicado salmão (e vice-versa). Ele custa R$ 55 na Enoteca Fasano (R. Amauri, 255, 3168 1255).

Ficou com água na boca?