Paladar

Só queijo

Aventuras lácteas entre o Brasil e a França

Festival Fermentar de Curitiba terá concurso de tábuas de queijos

Programação também inclui concurso de queijos, cursos técnicos, degustações dirigidas e debates sobre legislação

13 de março de 2020 | 15h00 por Débora Pereira

Um concurso voltado para comerciantes de queijos e profissionais da gastronomia e apreciadores está com inscrições abertas até 12 de abril. As provas vão ocorrer no Mercado Municipal de Curitiba, dia 19 de abril, como parte da programação do Festival Fermentar.


Mesa de queijos de Clément Rouzeau no Lyre d’Or, no último salão do queijo de Paris. FOTO: Arnaud Sperat czar/Profession Fromager

 

Dos inscritos, oito candidatos serão selecionados para montar uma mesa de queijos. Com olhar atento, os jurados vão avaliar criatividade, cortes, alianças com outros alimentos, além da higiene para manipulação dos alimentos.

Flávia Rogoski, gerente da Bon Vivant, em Curitiba, e presidente do concurso.

 

“É a primeira vez que tomamos essa iniciativa no Brasil, inspirados nos concursos que ocorrem na França, como o Lyre d’Or em Paris, e nos Estados Unidos, como o Festival Cheesepaloza em São Francisco. Com a diferença de que aqui vamos ter um toque tropical. Esperamos que os candidatos sejam criativos propondo alianças de queijos brasileiros com ingredientes da culinária nacional, por exemplo”, disse Flávia Rogoski, da loja de queijos Bon Vivant e presidente do concurso.

Mesa de queijos de David Marrand para o Lyre d’Or, no último salão do queijo de Paris. FOTO: Arnaud Sperat czar/Profession Fromager

 

O Festival Fermentar tem toda uma programação de cursos de fabricação, de cura, formação de análise sensorial para jurados, curso de vendas e de mesas decoradas com queijos. Laurent Mons, da escola Mons Formation da França, estará presente como professor e como presidente do concurso de queijos e produtos lácteos.

Laurent e Hervé Mons, irmãos e fundadores da escola queijeira Mons Formation na França. FOTO: Mario Delgado/Maison Mons

 

Também está previsto na programação do evento, um dia dedicado a debates sobre legislações, associativismo e troca de experiências entre produtores. A participação é gratuita. O festival será realizado pela associação SerTãoBras, pela loja Bon Vivant, pelo Mercado Municipal da cidade, pela Prefeitura de Curitiba, entre outros parceiros.

Tags:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?