Paladar

Bebida

Bebida

Brasileiro compete pelo título de melhor bartender do mundo

Por Rodolfo Almeida

28 julho 2014 | 18:24 por redacaopaladar

Os candidatos ao título de melhor bartender do mundo já estão em Edimburgo, na Escócia, para a final global do sexto World Class, um dos maiores campeonatos internacionais de coquetelaria.

Grupo finalista da World Class 2014. FOTO: Divulgação

Entre eles, está o baiano Laércio Zulu, do La Maison est Tombée, no Itaim, eleito melhor bartender do País pela etapa Brasil da competição após superar trinta outros candidatos de sete cidades brasileiras.

Na fase global que se inicia nesta segunda, 28, 50 competidores de todo o mundo representam seus países em dois desafios dedicados à experimentação com sabores de whiskies single malts e blends da família Johnnie Walker. Na terça, os candidatos vão à Londres para o desafio Two Martinis, onde devem criar duas novas versões do famoso coquetel: uma homenageando as origens da bebida e outra apontando seu futuro.

Ficou com água na boca?

LEIA MAIS:

+ Zulu dá a receita de 15 drinques com cachaça

Depois, os competidores serão testados em cinco outras provas em que terão de mostrar seu conhecimento do repertório clássico reproduzindo drinques tradicionais, criar bebidas originais em homenagem a seus escritores favoritos, escolher ingredientes para um drinque à base de vodca, criar coquetéis inéditos com limite de tempo e, por fim, apresentar seus coquetéis de assinatura, pelos quais serão vencedores do concurso.

 Laércio Zulu, bartender do La Maison est Tombée. FOTO: Reprodução

O World Class é um torneio organizado pela produtora de bebidas alcoólicas Diageo e chegou à sua quinta edição em 2013, com a participação de mais de 10 mil profissionais de todo o mundo. O espanhol David Rios foi vencedor do ano passado, entrando para a lista de vencedores ao lado de Tellis Papadopoulos, Erik Lorincz, Manabu Ohtake e Tim Phillips.

A premiação acontece na próxima sexta-feira, dia 1º de agosto, e, até lá, os candidatos também participarão de workshops discutindo a história, tendências e futuro da coquetelaria com importantes bartenders como Dale DeGroff e Salvattore Calebrese.

Ficou com água na boca?