Paladar

Bebida

Bebida

Dia dos Namorados cervejeiro

Luiza Tolosa é dona da cervejaria Dádiva. Victor Marinho é mestre-cervejeiro da mesma cervejaria. Eles namoram. Como eles vão comemoram o Dia dos Namorados?

12 de junho de 2020 | 05:00 por Heloisa Lupinaci, O Estado de S.Paulo

A Luiza namora o Victor. No Dia dos Namorados vão fazer um jantar em casa, provavelmente uma massa. Até aí bem parecido com todo mundo. A diferença no caso deles é que a Luiza Tolosa é dona de cervejaria Dádiva e o Victor Marinho é mestre-cervejeiro (e diretor industrial e sócio). Da mesma cervejaria. Sempre tive curiosidade de saber o quanto eles falam de cerveja na vida pessoal, então aproveitei a ocasião do dia dos namorados para fazer umas perguntas.

Casal cervejeiro. Luiza Tolosa e Victor Marinho, da Cervejaria Dádiva 

Casal cervejeiro. Luiza Tolosa e Victor Marinho, da Cervejaria Dádiva  Foto: Arquivo Pessoal

No jantar de dia dos namorados, vocês vão tomar cerveja? 

Luiza: Sim, separamos cervejas especiais da adega do Victor com uma pequena contribuição da minha adega. A ideia é começar com minha cerveja da Dádiva, a Dádiva Duo. O Victor tem um estoque secreto de poucas garrafas e prometeu liberar uma para mim. Depois, vamos de Cascade Blueberry (EUA), e finalizar com a Thomas Hardy's (Inglaterra). 

E os presentes? São cervejeiros? 

Luiza: Vou dar um vinho laranja para o Victor. Escolhi um Peverella da Era dos Ventos, que ele adora. 

Victor: Vou dar para a Luiza uma cerveja de uma das minhas cervejarias favoritas, a Firestone Walker. Escolhi a West Odnar, da Firestone Walker com a Liefmans.

Vocês se conheceram na cervejaria? 

Luiza: Fizemos um curso juntos, mas nem lembramos disso. Nos conhecemos mesmo em uma visita que o Victor fez à Dádiva em 2014. Logo depois ele começou a prestar consultoria para a Dádiva. Alguns bons anos depois, começamos a nos aproximar além da vida profissional. Estamos juntos há quase 2 anos. E há alguns meses, juntamos as nossas adegas.

Dávida Brewer's Cut #5

Preço: R$ 41,17 (375 ml, na www.hoppack.com.br)

Essa vai ser a minha cerveja de dia de namorados, para tomar enquanto o jantar é preparado (que na minha modesta opinião é a parte da refeição que mais harmoniza com qualquer bebida). É uma sour bem belga, uma mistura de diferentes cervejas com diferentes estágios em barril e, resumidamente, é uma delícia. Tem só 3,8% de teor alcoólico, é refrescante e supercomplexa. Para ligar um som, servir em taças e curtir a cozinhança a dois.

Dávida Brewer's Cut #5

Dávida Brewer's Cut #5 Foto: Dávida

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?

Tendências