Paladar

Bebida

Bebida

Só de birra

Heloisa Lupinacci

Mais medalhas gaúchas

A Heilige foi eleita a melhor cervejaria da América do Sul

27 maio 2015 | 16:19 por Heloisa Lupinacci

A Heilige (pronuncie ráiligui), em Santa Cruz do Sul, foi eleita a melhor cervejaria da América do Sul na South Beer Cup. Na premiação, em Mar del Plata (Argentina), a também gaúcha Tupiniquim levou 16 medalhas – o maior número no torneio.

Neste campeonato, a cervejaria pode inscrever quantos rótulos quiser, mas deve escolher cinco para concorrer ao título de melhor do ano. Essa regra evita uma deturpação: que a cervejaria do ano seja apenas aquela que ganhou mais medalhas, o que prejudica as marcas que apostam em fazer bem poucos rótulos. E, evita que cervejarias criem cervejas só para inscrever em concurso (uma crítica frequente ao Festival Brasileiro da Cerveja, que funciona assim).

Foto: Fernando Sciarra/Estadão

A Heilige recebeu o prêmio com surpresa. “Esperávamos ganhar medalhas sim”, diz Paulo Sarvacinski, o cervejeiro. “Mas o prêmio de melhor cervejaria não.” Eles inscreveram cinco cervejas: pale ale (ouro), irish red ale (ouro), bohemian pilsner (prata), brown porter (prata) e weiss. Dá para perceber que o perfil da cervejaria é clássico.

“Agora que já conseguimos pagar as contas da cervejaria com os rótulos que temos, o plano é ousar mais”, diz Sarvacinski . A marca quer lançar neste ano uma american pale ale, uma dubbel e uma saison. Para comprar as cervejas, entre em contato direto com a cervejaria.

A South Beer Cup do ano que vem será em Curitiba.

Ficou com água na boca?