Bebida

Bebida

Monte seu bar: o que você precisa ter em casa para fazer bons drinques

Por mais que seja possível improvisar, vale a pena investir em alguns utensílios que vão te ajudar a preparar coquetéis deliciosos

25 de fevereiro de 2022 | 15:00 por Redação Paladar, O Estado de S.Paulo

Com os utensílios certos, os coquetéis ficam ainda mais deliciosos

Com os utensílios certos, os coquetéis ficam ainda mais deliciosos Foto: Unsplash

O Carnaval já está entre nós e, por mais que os tradicionais blocos de rua tenham sido cancelados, ainda há a possibilidade de reunir amigos em casa – e celebrar com bons drinques. Mas para a diversão ficar ainda melhor é importante ter alguns – ou vários – utensílios no seu bar.

Aqui, elencamos aqueles que são indispensáveis para você montar seu bar em casa. Por mais que existam itens que podem ser improvisados (e te damos algumas dicas!), vale a pena investir em apetrechos para turbinar seus coquetéis. 

Antes de começar, confira as dicas do nosso especialista em drinques, Gilberto Amendola, do Balcão do Gibano vídeo abaixo. Ele ainda ensina como preparar um coquetel fácil e rápido para dar o star no Carnaval.  

 

Taça de vinho

Uma boa taça comporta vários drinques

Uma boa taça comporta vários drinques Foto: Unsplash

A clássica taça de borgonha, bojuda e com a boca aberta, é ideal para o spritz, para o aperol e para um gim tônica turbinado. Invista!

Espremedor

O espremedor facilita a vida de quem está preparando os coquetéis

O espremedor facilita a vida de quem está preparando os coquetéis Foto: Unsplash

Não tem muito segredo: um bom espremedor ajuda na hora de extrair o suco de cítricos sem sujeira e com mais agilidade.

Gelão

Um bom gelo faz toda a diferença em um coquetel

Um bom gelo faz toda a diferença em um coquetel Foto: Unsplash

O gelo é muito importante no resultado final do coquetel. Por isso, as formas de gelo maiores são um investimento que vale a pena, pois ele vai diluir-se mais lentamente e manter a temperatura da bebida sem deixá-la aguada.

Socador 

Usado para extrair sucos de frutas e essências de ervas. Uma boa caipirinha, por exemplo, não existe sem um socador. O preto em polietileno é o mais usado pelos profissionais.

Copo alto e copo baixo

Um bom copo alto e um bom copo baixo são itens básicos para servir variados drinques

Um bom copo alto e um bom copo baixo são itens básicos para servir variados drinques Foto: Unsplash

O copo baixo é versátil, pode ser usado da caipirinha ao negroni e nos drinques “on the rocks”. Opte por um modelo com pelo menos 350 ml. Já o copo alto, um estilo Collins tem 1001 utilidades na coquetelaria, quase tudo pode ser servido nele, do gim tônica aos mojitos, breezes, e long drinks

Colher bailarina

O cabo em espiral ajuda a mexer os líquidos com o gelo no mixing glass ou no copo. Se não tiver a colher bailarina, você pode optar por um hashi (o palito usado para comer comida japonesa).

Coqueteleira

Existem coqueteleiras de variados tamanhos e formatos

Existem coqueteleiras de variados tamanhos e formatos Foto: Unsplash

Este item é essencial para drinques batidos e está disponível no mercado em diversos tamanhos e formatos. O modelo tradicional vem com um filtro de coagem. A opção improvisada é uma coqueteleira de Boston, dica do nosso colunista Gilberto Amendola: use dois copos (um com uma boca um pouco menor do que o outro). No copo maior você coloca os ingredientes. Depois, encaixe o copo menor por cima (de cabeça para baixo, boca com boca). Segure firme nas extremidades e agite. Para tirar o líquido, faça uma pequena abertura entre os copos.

Strainer/coador

O strainer é um bom apetrecho para drinks batidos

O strainer é um bom apetrecho para drinks batidos Foto: Unsplash

 um coador: separa sólidos e líquidos na hora de passar o drinque para o copo. A molinha do apetrecho serve para bater drinques sours, com clara de ovo. 

Dosador/medidor

Fazer um drinque "de olho", sem a medida correta de cada ingrediente, não funciona bem para quem não tem experiência na coquetelaria. O dosador também é conhecido como jigger, e o ideal é procurar os com medidas em ml, como 30/60 ml ou 25/50 ml, de uma dose e meia dose.

Para drinques que pedem partes iguais, como o negroni (30 ml de gim/ 30 ml de vermute tinto/ 30 ml de Campari), é possível substituir o medidor por uma xícara pequena de café ou um copinho de shot.

Boas receitas para você fazer em casa

Já que você decidiu montar seu bar em casa, temos outra dica: aproveite para conferir neste link quais são as bebidas-chave para investir e começar a impressionar seus amigos com seus coquetéis.

Agora, se esse investimento ficou alto para você, também temos outra opção: confira nesta matéria como improvisar um bar em casa utilizando utensílios que você já tem na cozinha.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?