Paladar

Bebida

Bebida

Morre Giacomo Tachis, pai do estilo Supertoscano

Enólogo de rótulos célebres como Sassicaia, Tignanello e Solaia, trabalhou por três décadas na adega da família Antinori

08 fevereiro 2016 | 16:51 por Isabelle Moreira Lima

Considerado responsável pelo renascimento do vinho italiano, o enólogo Giacomo Tachis morreu neste domingo (7) aos 82 anos. 

Nascido em 1933 no Piemonte, norte da Itália, foi um dos primeiros italianos - se não o primeiro - a usar a Cabernet Sauvignon na costa da Toscana, dando origem ao estilo Supertoscano e a rótulos mundialmente célebres como Sassicaia da Tenuta San Guido, Tignanello e Solaia, produzidos para a família Antinori.

Adega do vinho italiano Sassicaia

Adega do vinho italiano Sassicaia Foto: Felipe Mortara

Apesar de usar a cepa francesa, era um crítico da globalização do vinho e do abuso da tecnologia da vitivinicultura. Era um entusiasta do terroir e acreditava que um vinho deveria ser sua expressão máxima.

Formou-se na Escola de Enologia de Alba e começou a trabalhar para os Antinori ainda nos anos 1960. Foi diretor de sua adega histórica por três décadas, quando se aposentou, mas continuou seu trabalho como consultor.

Tachis morreu em San Casciano Val di Pesa, em Florença, de acordo com o Corrierre della Sera.

>> Veja a íntegra da edição de 11/2/2016

Ficou com água na boca?