Paladar

Bebida

Bebida

Nem só de abridor vive o cervejeiro

Monte um arsenal para beber melhor, seja você um iniciante ou um expert

30 janeiro 2013 | 20:14 por danielmarques

Há um momento em que é preciso se decidir. Encher – e esvaziar – o engradado de cervejas, experimentar estilos diferentes. O Paladar pediu a Maurício Beltramelli, autor do Cerveja, Brejas e Birras (32o págs., R$ 49,90), e a Ronaldo Morado, autor do Larousse da Cerveja (357 págs., R$ 119), para indicarem itens importantes (e alguns indispensáveis) para se beber bem as boas cervejas – e as não tão boas assim também, vá lá. Cervejeiro, porém, não é muito ligado em acessórios ou gadgets. É copo e líquido, basicamente. “Degustar depende muito mais da atenção, do estudo e da prática do que de instrumentos”, explica Beltramelli.

Dividido em categorias (iniciante, intermediário e avançado), os produtos refletem a facilidade que é degustar ou – que seja – beber cerveja. Para cada um deles vai também uma indicação de rótulos. Assim não se fica apenas na teoria.

BOM COMEÇO

FOTOS: Divulgação

Guia Ilustrado Zahar de Cerveja | Michael Jackson, autor do livro, explica métodos de produção, características de estilos e principais regiões produtoras da bebida. É bom para iniciar os trabalhos, mas pode acompanhar o protocervejeiro em viagens mais profundas. R$ 54, na Livraria Cultura.

App Bier Tab Cervejas | Além de listar centenas de rótulos de cervejas (nacionais e importadas), com características e avaliações, o app (para Apple ou Android) também funciona como uma rede social para cervejeiros. Gostou? Espalhe. Detestou? Detone. Grátis na AppStore e no Android Market.

Conjunto de copos Nadir | Quatro tipos de copos para os estilos de cervejas mais comuns e facilmente encontráveis no mercado. Tem o caldeireta ou shaker, tulipa, weizen e taça. R$ 32,90 (preço sugerido) no Makro, Magazine Luiza e Pernambucanas.

Samuel Adams Boston Lager, Hoogaarden e Colorado Cauim | Cervejas de preços razoáveis e gostos que não assustam o cervejeiro de primeira viagem.

AVANCE NO COPO

Atlas Mundial da Cerveja | Bom livro para quem já conhece estilos, mas quer saber um pouco mais sobre rótulos e regiões produtoras. R$ 71,90 na Livraria Saraiva .

App BrBeer | É um mapa (incompleto) da cerveja brasileira – faltam informações sobre cervejarias em todas as regiões, mas é um bom instrumento para desbravar o Brasil por copos. Grátis na AppStore para iPhones e no Android Market para sistemas Android.

Termômetro | Há quatro faixas de temperatura para beber cervejas (0°C a 4°C, 5°C a 7°C, 8°C a 12°C e 13° a 15°C). Com o tempo, a medida ideal se percebe na mão e na boca. Termômetros para vinhos (contanto que marquem até 15°C) são mais fáceis de achar e funcionam para cervejas. Este da L’Esprit & le Vin custa R$ 204,82 e é vendido na Mistral.

Pilsner Urquell e Guinness Draught | Descubra gostos diferentes em cervejas fáceis de beber.

GOLES EXPERIENTES

Tasting Beers | Já é hora de aprender a harmonizar cervejas, reconhecer profundamente estilos, identificar aromas e quetais. No livro de Randy Mosher, tudo está detalhado: os maltes e as cores das cervejas, os lúpulos e seus aromas, as cores das cervejas e seus estilos, entre outras minúcias. A venda na Amazon  por US$ 11,32.

App Beer Defects | Bebedores experientes já estão aptos a identificar problemas nas cervejas consumidas (seja de estilo ou armazenamento). Sentiu cheiro de banana? Entenda por que com as explicações e diagramas do aplicativo (em inglês). US$ 1,99 na App Store (para Apple) e R$ 4,10 no Android Market.

Frigobar | Deixe a geladeira de casa para as comidas e a água. Com um frigobar para chamar de seu, é possível controlar melhor a temperatura interna (afinal, não é algo que se abre a cada sede). Esse da Brastemp tem visual retrô e boa capacidade para garrafas e latas. Na loja online da Brastemp, ele custa R$ 849.

>> Veja todos os textos publicados na edição de 31/1/13 do ‘Paladar’

Ficou com água na boca?