Paladar

Bebida

Bebida

Só de birra

Heloisa Lupinacci

Neste Halloween, deixe as abóboras longe da cerveja

Nos Estados Unidos, pumpkin ale é o estilo queridinho no Dia das Bruxas. Mas vale a pena experimentar as brown ales, mais secas

30 de outubro de 2019 | 16:15 por Heloisa Lupinacci, O Estado de S.Paulo

Às vésperas do Dia das Bruxas é possível que alguém toque sua campainha e peça doces ou travessuras ou que seu amigo beer geek proponha um brinde de pumpkin ale

Esse estilo de cerveja é queridinho nos EUA, onde as pessoas também gostam de beber pumpkin spice latte, o sofrível café com leite e purê de abóbora temperado com canela, gengibre, cravo, noz-moscada e pimenta-de-jamaica. 

No Halloween, a abóbora vai até na cerveja.

No Halloween, a abóbora vai até na cerveja. Foto: Clodagh Kilcoyne/Reuters

Como a principal influência cervejeira por aqui é a americana, temos nossas pumpkin ales também. Até hoje, nunca provei uma que amasse. Pra dizer a verdade, da abóbora, prefiro o doce, com uma fatia de queijo minas bem salgadinho de preferência, para equilibrar.

Estava nos Estados Unidos até o último domingo, no auge dos preparativos para a festa mais animada do país. As lanternas de abóbora já estavam nos degraus, as prateleiras dos empórios cervejeiros, cheias de pumpkin ales e as árvores perdendo as folhas amarelas, laranjas e vermelhas. 

Por mim, podem ficar com as pumpkin e passem as brown para cá. Nesse cenário de outono, tive um clique: a melhor cerveja para esse feriado são as brown ales. Mais secas, com drinkability mais alta, combinam bem melhor com festa – especialmente se for uma festa de Halloween em alguma escola de inglês aqui em São Paulo, nesse calor de outubro. E o toque entre caramelo e toffee que predomina no sabor dessa cerveja remete ao clima outonal com a mesma potência que as cervejas de abóbora, só que sem o retrogosto de bala de canela (sabe, aquela que você pega no carro do aplicativo e quando volta para casa à noite ela ainda está pela metade?). 

 

Mestre Cervejeiro Double Brown Ale Café.

Mestre Cervejeiro Double Brown Ale Café. Foto: Lohn

Mestre Cervejeiro Double Brown Ale Café

Preço: R$ 40 (500 ml, na mestre-cervejeiro.com

Falando em brown ale e em influência norte-americana, a rede Mestre Cervejeiro lançou uma Double Brown Ale Café em colaboração com o influente cervejeiro Pete Slosberg e a premiada cervejaria catarinense Lohn. Versão mais potente da Pete's Wicked Ale, é uma double brown ale com adição de café, para dar força aos aromas tostados.

Ficou com água na boca?