Paladar

Bebida

Bebida

Saiba onde encontrar os melhores rótulos da ExpoVinis

Se tiver só um dia para visitar a maior feira de vinhos da América Latina, vale a pena focar naqueles que foram considerados os dez melhores após uma prova feita por críticos e especialistas. Veja em que estande eles estão

23 abril 2014 | 22:11 por redacaopaladar

Por Marcel Miwa

A ExpoVinis – que começou na terça e terminou nessa quinta-feira, 24 –, apresentou o Top Ten, com os melhores vinhos do ano. Antes do início da feira, críticos e especialistas participaram de uma degustação para escolher os melhores rótulos participantes, em dez categorias. Confira abaixo onde encontrá-los.

TOP 10

Branco Nacional

Ficou com água na boca?

Pericó Vigneto Sauvignon Blanc (Serra Catarinense)

A vinícola achou um bom caminho com este Sauvignon Blanc de clima frio, ou seja, com notas cítricas e herbais em vez das de frutas tropicais, por vezes enjoativas.

Onde: Celebrai Vinhos – R$ 59

Espumante Nacional

Gran Legado Brut Champenoise (Garibaldi, RS)

Um produtor com estilo sério que melhora a cada ano. Tem as notas de fermento tão cobiçadas nos grandes rótulos do mundo. Venceu também em 2010.

Onde: Casa Santa Luzia - R$ 45

Tinto Nacional

Estância Guatambu Rastros do Pampa Tannat (Campanha Gaúcha)

Esqueça a austeridade da Tannat. Os aromas frutados são limpos e com boa intensidade. Os taninos são bem domados e a acidez é notável. Um vinho simples e bem feito.

Onde: Costi Bebidas - R$ 42,55

Espumante importado

Champagne Lanson Brut (França)

Os frutados são discretos e dominados pelo umami e notas de fermento.

Onde: Empório Frei Caneca - R$ 195

Vinho Branco Importado

Boschendal Elgin Chardonnay (África do Sul)

Chardonnay continua referência entre brancos. Aqui, bom equilíbrio entre fruta e carvalho.

* Ainda não disponível no mercado brasileiro 

Vinho Rosado

Remy Pannier Rosé d’Anjou (França)

Melhor no nariz que na boca. As notas cítricas são apagadas pela doçura excessiva.

Onde: Inovini - R$ 62

Fortificado

Andresen Porto White 10 Years (Portugal)

Os portos brancos envelhecidos merecem a fama de cult. Um vinho de meditação.

Onde: Rancho Português - R$ 195  (garrafa com 500 ml)

Tinto Novo Mundo

Concha y Toro Devil’s Collection (Chile)

Erva tostada, fruta negra e chocolate remetem à Carmenère.

Onde: Estará a venda a partir de maio, nas grandes lojas e supermercados, com preço sugerido a R$ 45.

Tinto Ibéricos

Scala Coeli (Portugal)

Potência e concentração explicam a vitória deste alentejano. Aromas de frutas negras, baunilha e coco impressionam.

Onde: Adega Alentejana – R$ 561,80

Tinto Velho Mundo

Le Vigne di Sammarco Solemnis Primitivo Salento IGP (Itália)

No nariz, cereja e cacau; taninos firmes e acidez acentuada.

* Ainda não disponível no mercado brasileiro

>> Veja a íntegra da edição do Paladar de 24/4/2014

Ficou com água na boca?