Paladar

Bebida

Bebida

Só de birra

Heloisa Lupinacci

Stone Brewing na Alemanha, Dogfish Head no Rio

Uma das mais importantes cervejarias da revolução americana vai inaugurar um complexo

23 julho 2014 | 13:59 por Heloisa Lupinacci

A Stone Brewing, uma das mais importantes cervejarias da revolução americana, anunciou no sábado que vai abrir um complexo com fábrica, restaurante e pub em Berlim. A inauguração está programada para 2016.

O plano existe há cinco anos. “Muita gente quer nossa cerveja lá. Mas os desafios são, claro, fazer que ela chegue fresca e a um preço razoável, porque o custo de exportação é significativo”, disse Koch ao jornal norte-americano USA Today.

A transformação de um antigo gasômetro no bairro de Mariendorf em cervejaria deve consumir US$ 25 milhões.

Além das cervejas já conhecidas da Stone – Arrogant Bastard Ale, Stone IPA, Go To IPA, Sublimely Self-Righteous Black IPA – haverá uma produção específica alemã e receitas feitas em parceria com outras cervejarias, como a escocesa BrewDog, a italiana Baladin e as americanas Victory Brewing e Dogfish Head.

Para Koch, abrir na Europa é reflexo do crescimento da cerveja americana. “Antes, nenhum alemão fazia IPA. Hoje, são dezenas. E algumas com rótulos bem específicos, como west coast style IPA ( referência à costa oeste americana).”

No Rio de Janeiro. Sam Calagione, da Dogfish Head, em entrevista ao USA Today, elogiou o projeto da Stone e anunciou que, com as italianas Baladin e Birra del Borgo, planeja abrir cervejarias nos EUA, na Itália e uma no Rio.

Ficou com água na boca?