Paladar

Comida

Comida

A rota das livrarias onívoras: onde comprar livros de gastronomia pelo mundo

Do primeiro churrasco de mamute à última receita do Noma, elas têm milhares de títulos de culinária – e quase sempre, vendedores especializados para ajudar você a escolher o livro que procura (às vezes até sem saber)

03 dezembro 2014 | 17:55 por Marília Miragaia

A fome de turistas visitando cidades como Paris, Nova York e Londres tem ido além de restaurantes, empórios, mercados gastronômicos e vinícolas. Livrarias especializadas em comida também estão entrando no roteiro de viajantes. E, para quem gosta de comer, cozinhar e ler sobre o assunto, comprar online não se compara ao prazer de pegar o livro na mão e folhear.

Uma das mais célebres é a britânica Books for Cooks, em Londres, chamada de “a livraria com o melhor aroma do mundo”. A brincadeira tem uma razão: além de 12 mil títulos, tem também uma cozinha em que são testadas as receitas: o ritual se repete todos os dias e a comida pode ser provada no almoço.

Eric Treuille, um dos donos da loja londrina, se orgulha de ter na ponta da língua informações sobre os livros que vende. Ele faz recomendações dentro do assunto, atendendo ao nível de exigência dos clientes. E não é só ele, todos os vendedores entendem de comida: toda a equipe já teve experiência em cozinhas profissionais.

Do outro lado do oceano, em Nova York, o repertório vindo das cozinhas também é imprescindível para Matt Sartwell, da Kitchen Arts & Letters, endereço do gênero mais famoso nos Estados Unidos.

Em um dia de sorte é possível encontrar por ali chefs famosos como Daniel Boulud, do estrelado Daniel, ou Dan Barber, do Blue Hill Farm. Eles buscam exemplares de um acervo com 12 mil livros que vêm de lugares como Hong Kong, Índia, Alemanha e França.

Concorrência. A variedade, explica Sartwell, é uma das maneiras de competir com sites de venda online e com a seção de gastronomia das grandes livrarias. “Trazemos livros de todo o mundo, de pequenas editoras ou autores independentes e sabemos tudo sobre eles”, diz.

O mesmo acontece na Omnivore, livraria especializada que fica em uma vizinhança apinhada de casas vitorianas em São Francisco. “Tenho foco em um assunto e posso ir fundo nele. Não vendo apenas livros que são tendência. Meu trabalho é ter também aqueles que são uma contribuição ao assunto”, diz Celia Sack, proprietária.

Por isso, além de gastar horas percorrendo prateleiras nessas livrarias, não hesite em pedir sugestões. No caso da Kitchen Arts & Letters, vale procurar pelas raridades – revistas antigas e livros autografados, que ficam escondidos, no subsolo da loja.

 

NOVA YORK: Kitchen Arts & Letters

FOTO: Divulgação

O acervo da livraria é um dos maiores e mais importantes dedicados à gastronomia, bebidas e história da alimentação dos EUA, com cerca de 12 mil títulos. Com 31 anos, a loja em Nova York já foi frequentada por nomes como a célebre cozinheira Julia Child e James Beard, autor de livros de cozinha que dá nome a uma fundação e a prêmios.

Em suas prateleiras, os livros estão divididos em seções como bebidas, história da alimentação, cozinha regional americana, panificação profissional e caseira. Lá também se pode encontrar revistas especializadas como Modern Farmer e Lucky Peach.

Mas frequentadores do local sabem que o melhor do acervo fica debaixo dos pés, no subsolo da loja, que tem entrada restrita. Para quem gosta de colecionar títulos de comida, bebida ou livros de receita, a visita ao espaço escondido é imperdível. É que ali os proprietários guardam raridades que chegam a ser vendidas por U$ 17 mil. São cerca de 4 mil cópias de livros, quase todos fora de circulação. Entre eles, primeiras edições de livros de Joël Robuchon e da cronista M.F.K Fisher e um livro do cozinheiro do ex-lutador de box Muhammad Ali.

A loja foi aberta em 1983 por Nach Waxman, que trabalhava no mercado editorial e decidiu apostar em uma livraria especializada em comida por causa do grande número de restaurantes da cidade. Ao lado do sócio Matt Sartwell, seu trabalho é procurar títulos ao redor do mundo e trazer à loja publicações “originais”. “Rejeitamos cerca de 70% daquilo que nos oferecem”, diz Sartwell. Entre os livros à venda, está o último de Alex Atala, Redescobrindo Ingredientes Brasileiros, campeão de vendas ano passado. Sempre na loja, Sartwell diz ter aprendido a reconhecer turistas que o visitam. Os do Brasil, conta, procuram livros técnicos. Já os franceses caem de encantos pelos de cupcakes, que conhecem ao atravessar o Atlântico.

SERVIÇO | Kitchen Arts & Letters

Onde: 1.435 Lexington Avenue, Nova York

Tel.: 1 (212) 876-5550

 

LONDRES: Book for Cooks

A Books for Cooks é uma boa sugestão de lugar para ir de estômago vazio. É que, além dos 12 mil livros sobre gastronomia e bebidas, ali também é possível experimentar docinhos, bolos e até almoço, tudo preparado diariamente na própria livraria. O espaço tem uma pequena cozinha que serve para testar as receitas tiradas de alguns livros que vende.

Eric Treuille e Rosie Kindersley, os donos, preparam pratos que mudam a cada dia e são anunciados peloTwitter. O cardápio do almoço (£ 5, R$ 20, por duas etapas; £ 7, R$ 28, por três) depende do livro inspirador: pode ser francês, tailandês, indiano…

Ao fim de cada ano, as receitas de mais sucesso preparadas na livraria vão parar em um livro com o nome da loja. Os exemplares já somam dez edições (cada um custa cerca de £ 6, R$ 24) e incluem receitas como a sopa de tomate e tamarindo com especiarias tostadas.

Mas há outros motivos, que não a comida, para visitar a Book for Cooks, que tem quase 33 anos de vida. Um deles é pedir recomendações sobre o que a equipe anda lendo. Vão surgir ideias saborosas como Mallah, de Sarah Cotterell, inspirado na cozinha vegetariana da Índia, e Cooking to Share, de Alexandra Straton, de cozinha grega.

SERVIÇO | Book for Cooks

Onde: 4 Blenheim Crescent, Notting Hill, Londres,

Tel.: (44) 020-7221-1992

 

SÃO FRANCISCO: Omnivore

FOTO: Divulgação

Na vizinhança de Noe Valley, não muito longe da moderninha e hipster Mission, em São Francisco, na Califórnia, está a Omnivore Books on Food. A loja diminuta se distingue das demais casinhas de estilo vitoriano da área por sua fachada envidraçada e uma placa com uma ave usando um chapéu de cozinheiro – que estampa também os marcadores de páginas oferecidos pela loja.

Aberta em 2008, oferece desde guias de como começar uma horta a best-sellers como os livros do chef que vive em Londres Yotam Ottolenghi. Sem esquecer, é claro, de sucessos locais (alguns deles assinados pelos autores), como os livros da Tartine Bakery, descolada padaria ali perto, e do livro de geleias da Blue Chair, encontrada em empórios locais.

Quem recebe os clientes e turistas é a proprietária, Celia Sack. “Todos os dias tenho visitantes de todas as partes do mundo. Adoro apresentar a região a eles”, conta. Mas a clientela de Celia inclui, além de aficionados por comida, também chefs como Thomas Keller, do The French Laundry, da vizinha Yountville. Além dos títulos fresquinhos, eles buscam raridades como livros que datam de séculos passados, como um que ensina receitas a donas de casas de 1881, ou outro de receitas mexicanas e espanholas de 1933.

SERVIÇO | Omnivore

Onde: 3885a, Cesar Chavez Street, São Francisco, Califórnia

Tel.: (1) 415.282.4712

 

TORONTO: Good Egg

FOTO: Marília Miragaia/Estadão

Dedicada a livros de gastronomia, a Good Egg não poderia estar em lugar melhor em Toronto. Fica no vibrante bairro de Kensington Market, perto da Chinatown, um caldeirão cultural temperado com lojas de especiarias, ingredientes, queijos, restaurantes e cafés inspirados em diferentes culturas. Em um espaço pequeno, a loja condensa títulos de nomes famosos, como Nigel Slater e Jamie Oliver, misturados a livros que ensinam a fazer conservas e outros que mostram como eram as receitas em tempo de guerra. Oferece cursos de cozinha.

SERVIÇO | Good Egg

Onde: 267 Augusta Ave, Kensington Market, Toronto

Tel.: (416) 593-4663

 

PARIS: Librairie Gourmande

Entre os muitos restaurantes, mercados e lojas indispensáveis em Paris é preciso guardar espaço para mais uma parada: a Librairie Gourmande. A alguns quarteirões do Rio Sena e do Jardins des Tuileries, a livraria especializada existe desde 1985 e atende profissionais e estudantes, além de turistas. Uma boa parte dos títulos é em francês, mas existem também exemplares em outros idiomas – como inglês, espanhol e até japonês. As prateleiras estão divididas em categorias como cozinha regional francesa (que inclui livros sobre Alsácia, Borgonha, Provence, Normandia), bebidas (incluindo aqueles sobre viticultura), boulangerie, pâtisserie e outras cozinhas do mundo – há, inclusive, livros voltados para a cozinha praticada durante o Ramadã. Além disso, chamam a atenção livros de sociologia, história e literatura voltados para o estudo da alimentação e também dicionários, como o Dictionnaire Universel du Pain (A 35,50). Tem também cartões-postais e presentinhos relacionados a gastronomia.

SERVIÇO | Librairie Gourmande

Onde: 92-96 rue Montmartre, Paris

Tel.: 33 (0)1 43 54 37 27

>>Veja a íntegra da edição do Paladar de 04/12/2014

Ficou com água na boca?