Paladar

Comida

Comida

Bolinhas de cerâmica tomam o lugar do feijão para assar tortas

É um luxo do bem! Ceramistas brasileiras apresentam alternativa para impedir o crescimento da massa de tortas sem desperdício

09 março 2016 | 20:14 por Patrícia Ferraz

Pode parecer a maior frescura, mas, na verdade, trata-se de um luxo do bem. Imagine quantos quilos de feijão você já desperdiçou assando tortas – a tradição recomenda forrar a massa com papel manteiga e cobrir com grãos de feijão, para impedir seu crescimento.

 

  Foto: Hélvio Romero| Estadão

Só que, depois de ir ao forno, o feijão quase sempre vai para o lixo. Pois essas bolinhas de cerâmica fazem peso sem ser descartáveis. Por muito tempo, só se encontravam por aqui as bolinhas importadas. Mas há pouco mais de um ano, três ceramistas, alunas de Hideko Honma, transformam as sobras de sua produção em bolinhas. Em porções de 700g, elas são acomodadas em simpáticas marmitas de alumínio e amarradas como furoshiki em tecido que elas mesmo tingem. A marmita custa R$ 60. Encomendas pelo e-mail: contato@marumaru.com.br. 

Ficou com água na boca?