Paladar

Comida

Comida

Como era verde o meu abacate

Sozinho é apenas uma fruta. Combinado dá força a aperitivos, entradas, pratos e sobremesas. São muitos os tipos de abacate, e inesgotáveis suas possibilidades na cozinha. Que tal ir cortando e aprendendo?

23 abril 2009 | 02:49 por Cíntia Bertolino

Abacates parecem todos iguais. Mas olhando com atenção dá para notar diferenças na forma, cor, textura - confira nesta página os desenhos das variedades mais comuns no Brasil.

Feita essa primeira observação, vamos à prova do sabor. É na boca que se pode atestar, de fato, as diferenças. Prove para ver como o fortuna é doce, o hass, firme, e a polpa do quintal, mais aquosa.

As receitas desta edição são uma ótima desculpa para aprofundar as descobertas. Comece pela salada de avocado e grapefruit da americana Alice Waters. Simples, mas rica em cor e sabor, ela é um exemplo da "revolução deliciosa", proposta pela chef em seu restaurante Chez Panisse. O endereço, em Berkeley, é famoso por usar apenas ingredientes fresquíssimos e orgânicos. Também americanas, as chefs Mary Sue Milliken e Susan Feniger, do Ciudad, assinam o convidativo fettuccine com camarões e avocado.

Nome importante na cozinha mexicana, a chef Patricia Quintana, do restaurante Izote, oferece delicados tacos feitos de jicama, uma variedade de nabo. Eles são recheados com guacamole, símbolo da culinária do México - a receita tem até as cores da bandeira do país. Em São Paulo, Paola Carosella, do Arturito, promove o encontro da mussarela de búfala com o abacate. Um sucesso.

Ficou com água na boca?

AMERICANA: Salada de avocado e grapefruit

ARGENTINO-BRASILEIRA: Avocados frescos com mussarela

PASTA: Fettuccine picante

MEXICANA: Tacos de jicama

Ficou com água na boca?