Comida

Comida

Conheça os melhores ovos de Páscoa de 2022

Veja como se saíram os 30 ovos de chocolate provados na 17ª megadegustação do 'Paladar' e saiba onde comprá-los

09 de abril de 2022 | 05:00 por Cintia Oliveira, especial para o Estadão

Degustação ovos de Páscoa Paladar

Degustação ovos de Páscoa Paladar Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Desde o início da pandemia, o Paladar teve de encontrar meios para realizar a sua tão aguardada degustação de ovos de Páscoa. Por conta da escalada no número de casos de covid-19, as duas últimas edições da prova foram realizadas de forma remota. Porém, a queda no número de casos somada aos cerca de 80% dos brasileiros vacinados ao menos com uma dose, de acordo com os dados do Consórcio dos Veículos de Imprensa divulgados no último domingo (3), nos permitiu trazer de volta a prova de ovos de Páscoa ao formato tradicional.

CONFIRA AQUI OS MELHORES OVOS DA SAFRA 2022

No último dia 30, reunimos em nossa cozinha um time de jurados para avaliar, às cegas, 30 ovos selecionados por nossa equipe a partir de uma lista de mais de 300 produtos. Na lista, há desde chocolates facilmente encontrados nos supermercados até opções elaboradas com chocolate bean to bar (do grão à barra) nacional - tendência crescente no universo dos chocolates. 

Critérios de avaliação

As amostras foram divididas nas categorias Ao Leite, Amargo, Crocante e Casca Recheada. E, todo ano, a degustação de ovos do Paladar abre espaço para uma categoria que reflete uma tendência observada pela equipe. Neste ano, foram os ovos elaborados com frutas. Muito além da laranja, que forma uma combinação clássica com o chocolate, diversas marcas fugiram do óbvio e promoveram encontros inusitados entre os chocolates e frutos como cupuaçu, maracujá e tamarindo. 

Conheça os melhores ovos de Páscoa eleitos pelo Paladar 

Conheça os melhores ovos de Páscoa eleitos pelo Paladar  Foto: Daniel Teixeira/Estadão

Mas não foi só a categoria do ano que teve surpresas. A seleção incluiu desde um ovo inspirado no jogo Minecraft até uma versão de casca recheada de brigadeiro com azeite de dendê (você não leu errado).   

Os chocolates foram avaliados a partir de alguns critérios. O primeiro deles era o aspecto visual, a partir do qual o júri deveria observar se os chocolates tinham bom acabamento, brilho e decoração bem executada. Já no aspecto aroma os jurados identificaram as notas aromáticas do chocolate e tentaram descobrir possíveis ingredientes que faziam parte da formulação. 

Outro critério é o da textura, ou seja: os jurados tinham que quebrar o chocolate para descobrir se a temperagem (técnica na qual o chocolate é derretido e resfriado para que cristalize de maneira correta) foi bem feita. E, por fim e mais importante: o sabor,  considerado o principal quesito da prova às cegas.  

Para te inspirar nas compras dos ovos de Páscoa deste ano, confira os eleitos de cada categoria da degustação às cegas. Lembrando que boa parte desses ovos são artesanais e muitos deles têm produção limitada. Vale encomendar com antecedência.  

Os bastidores 

Embora o clima seja de retomada, a pandemia ainda está entre nós. Para que a prova de ovos de Páscoa pudesse ser realizada de forma presencial, mas com toda a segurança, tanto o júri quanto a equipe do Paladar que acompanhava a degustação foram submetidos a testes rápidos de covid, realizados em nossa cozinha pela médica Patrícia Kurita, do Espaço Bem Imune, na capital paulista.  

Em seguida, os jurados tiveram acesso à cozinha do Paladar, onde os ovos estavam devidamente posicionados. As 30 amostras que fizeram parte da avaliação foram divididas nas categorias Ao Leite, Amargo, Crocante, Casca Recheada e Tendência 2022. 

O júri não teve acesso à lista e nem aos ingredientes que compunham os ovos selecionados. Identificados somente por números e pelas categorias, os jurados tiveram de adivinhar quais eram os ingredientes de cada um dos chocolates. E se surpreenderam diante de várias amostras. 

Embora tenham detectado a presença de ingredientes como tamarindo, café, chá preto e maracujá nos chocolates, outros elementos passaram batido no teste às cegas - foi o caso do azeite de dendê e do missô.   

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Ficou com água na boca?