Paladar

Comida

Comida

Conservas para enriquecer a cozinha

20 setembro 2014 | 23:21 por mariliamiragaia

FOTO: Tiago Queiroz/Estadão

Enquanto cozinhava, a Carla dividia suas experiências à frente de duas cozinhas com o público. Falou de produtores e de seus ingredientes, como os mirtilos que vêm de São Francisco Xavier e a linguiça de Bragança, enriquecida com provolone e rúcula.

Carla lembrou também que a preservação, objetivo original das conservas, não existe mais. Assim, a razão para fazer conservas é outra: enriquecer a cozinha.

As receitas preparadas pela chef se transformaram em dois sanduíches abertos disputados, que foram provados pelos participantes. Um levava fraldinha marinada com chutney de dois tomates, e, o outro, confit de sobrecoxa de frango com relish de pepino. Para sobremesa, iogurte de compota de mirtilo. Quem ainda ficou com fome (ou curioso) podia também passar na barraca do Clementina, nova empreitada de Carla, que a chef lançou n’ O Mercado Paladar.

Ficou com água na boca?