Paladar

Comida

Comida

Exame de madureza

11 abril 2013 | 00:13 por joseorenstein

+ Como amadurecem os queijos

1. Brie Cremosíssimo | Leve odor de amoníaco, esperado nos bries. Já está quase maduro: cremoso por dentro e avermelhado por fora.

3. Brie Sant’Angelo | Aroma de cogumelos, umidade – como deve ser. Mas está ainda muito verde, longe do ponto ideal.

1. Brie Cremosíssimo | Ponto ideal. Com a textura levemente mais firme, adquiriu sabor um pouco mais intenso.

3. Brie Sant’Angelo | Pasta continua cremosa, agora mais salgada. Um pouco mais espessa.

1. Brie Cremosíssimo | Supercremoso, como diz o nome, não amargou, mas passou do ponto. O avermelhado na massa denuncia.

2. Brie Isigny Ste. Mère | O mofo avançou e o queijo passou. Ainda equilibrado em sal e amargor, mas foi-se o ápice.

———————————————————————————————————-

1. Minas Brinco de Ouro | Sabor lácteo e textura muito seca. Feito com leite cru, apresenta-se equilibrado no sal.

3. Tirolez Minas Padrão | Um queijo prato em forma de minas. Cheiro de nada e gosto de nada. Extremamente borrachudo.

1. Minas Brinco de Ouro | Ponto ideal. Mudou pouco após uma semana, mas ganhou em sabor e chegou ao ápice.

3. Tirolez Minas Padrão | Nenhuma alteração na aparência ou sabor, o que no caso é desvantagem.

1. Minas Brinco de Ouro | Entrou fungo verde e branco; perdeu sabor, textura e ressecou.

2. Minas de Araxá | Foi invadido por fungos, ressecou e amargou – problema comum a queijos depois de abertos.

———————————————————————————————————-

2. Pecorino Sardo | É quase um meia cura, por isso muda mais com a maturação. Leve picância.

2. Pecorino Sardo | Ponto ideal. Ganhou ainda mais doçura, sabor e intensidade. Ficou mais untuoso.

1. Manchego | Ponto ideal. Ressecou um pouco, a gordura ficou mais evidente na superfície. Mas manteve equilíbrio de sabor, nem salgado nem amargo.

———————————————————————————————————-

1. Azul Bergader | Acidez alta, mas com o fungo bem harmonizado à massa. Potente, preenche a língua. É intenso, mas não chega a picar.

3. Azul Serrabella | Inócuo. Amarelo quando aberto: sinal de que reteve pouca umidade. Será um frescal com fungo? Salgado.

1. Azul Bergader | Secou um pouco, perdendo a cremosidade, e começou a amarelar.

3. Azul Serrabella | Parece que ficou mais salgado. Fungo não se misturou à massa.

1. Azul Bergader | Ponto ideal. Ficou um pouco mais cremoso. Manteve, no entanto, a acidez intensa do início. Evoluiu bem com o tempo.

2. Gorgonzola Igor | Ponto ideal. Ficou mais picante, com textura entre cremosa e granulada. Mas ainda adocicado.

———————————————————————————————————-

1. Crottin Président | Macio nas beiradas cremosas. Equilibrado.

1. Crottin Président | Evoluiu bem e mudou tanto que nem parecia pasteurizado. Ressecou levemente, porém manteve a maciez e o sabor equilibrado.

1. Crottin Président | Mais ácido e granulado, perdeu textura, sabor… Mas ainda assim, comestível.

>> Veja todas as notícias da edição do Paladar de 11/4/2013

Ficou com água na boca?